Maduro recebeu da Odebrecht US$ 35 milhões em caixa dois

Nicolás Maduro embolsou US$ 35 milhões de doação da Odebrecht em caixa dois. A informação está incluída no trecho sob sigilo da delação premiada de Euzenando de Azevedo, ex-executivo da empreiteira para a Venezuela, conforme matéria do colunista Lauro Jardim para o jornal O Globo.

Azevedo revelou foi procurado em 2013 por Americo Mata, coordenador da campanha, com uma solicitação de US$ 50 milhões. Em contrapartida, Maduro manteria as obras da Odebrecht como prioridade.

O negociador de Maduro recomendou várias empresas com contas no exterior, onde o dinheiro foi depositado entre março e junho daquele ano.

Leia também:
Estados Unidos anunciam sanções contra “ditador” Maduro
Leopoldo López e Antonio Ledezma são presos de madrugada na Venezuela
Sob críticas, aiatolá do Irã palestra em São Paulo sobre terrorismo

 
Matérias Relacionadas