A ingestão correta de chocolate beneficia a pele

Será que o chocolate provoca em você uma constante tentação? Isso pode não ser tão ruim. Estudos recentes apontam que comer chocolate nas doses corretas e manter um teor de cacau na dieta garantem benefícios comprovados para a saúde da pele.

“Cerca de 2 ou 3 gramas por semana é tudo que você precisa para obter essas vantagens do chocolate”, diz Kristin Kirkpatrick, gerente da Cleveland Clinic Wellness Institute. A maioria dos estudos mostra que um teor de cacau de pelo menos 70% ou mais causam um maior impacto nutricional.

Proteção UV

O cacau contém flavonóides, que são fitonutrientes com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Eles ajudam a proteger a pele dos danos dos raios UV, prevenindo as rugas e combatendo os radicais livres que podem resultar em manchas de sol e no aumento do fluxo sanguíneo. O resultado? Um brilho facial saudável.

Um artigo publicado na CNN cita uma pesquisa: “Pesquisadores alemães deram a 24 mulheres de ½ xícara por dia de extra-flavonóides do cacau enriquecidos. Depois de três meses a pele das mulheres estava úmida, mais suave e menos escamosa e vermelha quando exposta à luz ultravioleta”. Os estudiosos acreditam que os flavonóides, que absorvem a luz UV, ajudam a proteger e aumentar o fluxo de sangue para a pele, melhorando sua aparência.

Há ainda evidências publicadas no Centro Nacional de Informações sobre Biotecnologia (NCBI), nos Estados Unidos, que sugerem que o uso tópico de grãos de cacau ajuda a evitar que a pele seja danificada pelo sol, incluindo a formação de rugas, devido ao derivado da xantina encontrado na planta.

Retardo do envelhecimento

“Epicatequina e resveratrol, dois potentes antioxidantes encontrados no cacau, são os responsáveis pelos benefícios para o coração, vasos sanguíneos, cérebro e sistema nervoso, além de reduzirem a taxa de envelhecimento”, afirma o médico osteopata Joseph Mercola.

Leia também: 

Emagreça comendo chocolate

5 benefícios ​​do chá verde para a saúde

Os nove alimentos mais importantes para combater o câncer

Impedir degradação do colágeno

“O chocolate escuro ajuda a reduzir os hormônios do estresse e aumenta o bom humor, melhorando os neurotransmissores”, diz Kirkpatrick. Os níveis mais baixos de estresse significam menos degradação do colágeno na pele e menos rugas.

Aumento de reparação celular

De acordo com estudo realizado pelo Departamento de Ciência e Tecnologia de Alimentos da Universidade Nacional de Seul, o nível de antioxidantes no chocolate escuro é realmente maior do que o do chá verde, do chá preto e do vinho tinto.

Escolhendo o melhor chocolate

É preciso ter cautela ao comprar o melhor chocolate. Procure por chocolate que apresente baixo teor de açúcar, de leite e de soja porque isso tende a garantir a manutenção das suas qualidades originais e propriedades nutricionais benéficas à saúde. Comer o chocolate em sua forma mais original – sem aditivos, flavorizantes etc – é a melhor forma de preservar suas vantagens nutricionais.

———

Sarita Coren, Epoch Times

 
Matérias Relacionadas