Trump e comitê levantaram US$ 86 milhões online para investigar integridade eleitoral

Por Gary Du

O ex-presidente Donald Trump e o Comitê Nacional Republicano (RNC) arrecadaram 86 milhões de dólares online durante os últimos 37 dias de 2020, de acordo com um relatório apresentado na sexta-feira à Comissão Eleitoral Federal (FEC). A equipe jurídica do presidente então pediu aos apoiadores que doassem para os projetos de campanha para então reunir pesquisas para garantir a integridade das eleições de 2020.

O valor arrecadado se soma aos US$207,5 milhões que o Comitê Trump Make America Great Again arrecadou 19 dias após as eleições, de acordo com a Bloomberg. Esse número não inclui todas as contribuições feitas aos vários comitês Trump ou ao RNC.

O Comitê Trump Make America Great Again é um comitê conjunto de arrecadação de fundos para doadores de baixa renda que doam para a campanha Trump, o RNC e, a partir de 18 de novembro, também o Save America PAC, o novo comitê de ação política dos Estados Unidos que  foi criado para financiar suas atividades pós-presidenciais.

A maior parte do dinheiro arrecadado desde 24 de novembro – US$ 68 milhões – foi por meio do WinRed, uma plataforma republicana de doações online.

A campanha Trump arrecadou US$ 14,1 milhões, enquanto a RNC arrecadou US$ 3,5 milhões. O Save America arrecadou US$ 501.224 e Trump Victory, que se concentra em grandes doadores, arrecadou apenas $ 24.965.

Os pedidos de arrecadação de fundos que o comitê promoveu em 6 de janeiro, o dia em que alguns apoiadores de Trump e outros invadiram o prédio do Capitólio, mostraram que 75 por cento das pequenas quantias em doações do dia iriam para o Save America, enquanto o resto iria para o RNC.

Os relatórios anuais detalhados dos totais de arrecadação de fundos e a destinação final dos fundos do comitê e do RNC foram apresentados à FEC no domingo.

Trump estará “ativamente envolvido”

Em vez de se separar do RNC, como alguns especialistas sugeriram, Trump expressou seu apoio em ajudar os republicanos a reconquistar a Câmara dos Representantes nas eleições legislativas de 2022.

Corey Lewandowski, que liderou a campanha presidencial de Trump em 2016, também disse que Trump não formará um partido independente, após rumores e notícias de que ele poderia iniciar seu próprio “Partido Patriota”.

“Não acho que o presidente tenha interesse em fazer parte de um terceiro”, disse ele.

“O presidente continua tendo enorme apoio e aprovação dos eleitores nas primárias republicanas. Você ainda tem centenas de milhões de dólares em sua conta de campanha que pode usar.  Trump continuará a estar ativamente envolvido no recrutamento de candidatos e na responsabilização de funcionários eleitos por seus votos ”, disse ele à Fox News em 28 de janeiro.

A equipe política de Trump negou na semana passada qualquer afiliação com um comitê político recém-formado chamado MAGA Patriot Party.

“Não apoiamos esse plano, não temos nada a ver com ele e só sabemos sobre ele por meio de informações públicas”, disse o assessor de campanha Jason Miller ao Epoch Times em 25 de janeiro por mensagem de texto.

Zachary Stieber e Jack Phillips contribuíram para este artigo. 

Entre para nosso grupo do Telegram.

Veja também:

 
Matérias Relacionadas