EUA aprovam teste para novo coronavírus que pode dar resultado em 15 minutos

Por EFE

Washington, 28 mar – A Administração de Alimentos e Medicamentos (FDA) dos Estados Unidos, deu luz verde na noite desta sexta-feira para o uso de um teste de diagnóstico do novo coronavírus, fabricado pela companhia Abbott, que oferece resultados em menos de 15 minutos.

A agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA autorizou o uso do aparato, que serve para “detectar o ácido nucleico do ARN (ácido ribonucleico) viral do SARS-CoV-2, em amostras diretas nasais, nasofaringes e garganta”.

A Abbott, por sua vez, explicou em comunicado que o teste pode dar os resultados positivos em cinco minutos, e os negativos em 13.

A companhia explicou que os equipamentos estarão disponíveis na próxima semana nos centros de saúde designados pelo governo dos EUA, a intenção da empresa é disponibilizar 50 mil deles de forma imediata, para posteriormente, conseguir produzir 5 milhões por mês.

Os testes são portáteis e, ainda de acordo com a Abbott, podem ser realizados fora dos hospitais, nos chamados “pontos quentes” da pandemia no país.

Na noite desta sexta-feira, os dados coletados pela Universidade Johns Hopkins, dos mais atualizados sobre a situação no planeta, indicava que os Estados Unidos tinham 104.837 mil casos, sendo o país líder neste ranking, além de 1.711 mortes.

 
Matérias Relacionadas