Canadá anuncia US$ 100 milhões adicionais à Ucrânia como parte da campanha global

Campanha arrecadou 12,4 bilhões de dólares dos países participantes

Por Noé Chartier 

O Canadá fornecerá US $100 milhões adicionais em ajuda humanitária para a Ucrânia como parte de uma campanha de doação global que convocou com a Comissão Europeia.

O primeiro-ministro Justin Trudeau fez o anúncio durante o evento ‘Stand Up For Ukraine’, que aconteceu na Polônia no fim de semana. Trudeau co-apresentou o evento por videoconferência com a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, onde acusou o presidente russo, Vladimir Putin, de atacar deliberadamente civis na Ucrânia.

“Precisamos respeitar e entender que o foco que Putin teve em impactar a infraestrutura civil, seja [tendo como alvo] a estação de trem que vimos recentemente, sejam civis em Bucha, sejam maternidades ou hospitais, há uma tentativa deliberada para causar o máximo de dano a longo prazo possível ao povo ucraniano”, disse ele em 9 de abril.

O evento arrecadou US $12,4 bilhões dos países participantes no apoio à Ucrânia. A mais recente promessa de ajuda humanitária do Canadá eleva o valor fornecido à Ucrânia desde janeiro para US $245 milhões.

Os US $100 milhões não aparecem no orçamento, que anunciou outras medidas para apoiar a Ucrânia, como fornecer até US $1 bilhão em novos recursos de empréstimo e US $500 milhões em ajuda militar.

Trudeau também anunciou, em 9 de abril, medidas adicionais para trazer refugiados ucranianos para o Canadá, contratando voos fretados e fornecendo apoio de renda de curto prazo, bem como acomodação temporária em hotel por até duas semanas.

Mais de 13.000 cidadãos ucranianos e residentes permanentes canadenses de origem ucraniana chegaram ao Canadá por terra ou ar desde janeiro, segundo dados.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados diz que mais de 4,5 milhões de ucranianos fugiram de seu país desde a invasão da Rússia em 24 de fevereiro, com mais de 2,6 milhões cruzando para a Polônia.

A própria Comissão Europeia prometeu 1 bilhão de euros ($1,37 bilhão de dólares canadenses) à Ucrânia, e o Banco Europeu de Reconstrução e Desenvolvimento anunciou anteriormente um empréstimo adicional de 1 bilhão de euros para cobrir as necessidades dos deslocados pela invasão.

“E mais virão. Continuaremos dando suporte. E quando as bombas pararem de cair, ajudaremos o povo da Ucrânia a reconstruir seu país. Continuaremos a defender a Ucrânia”, disse Von der Leyen em um comunicado.

A campanha Stand Up For Ukraine foi lançada pela Comissão Europeia e pelo governo canadense em 26 de março, em parceria com a organização sem fins lucrativos Global Citizen.

Entre para nosso canal do Telegram

Assista também:

 
Matérias Relacionadas