Publicado em - Atualizado em 06/12/2017 às 19:02

Rússia testa poderoso sistema de mísseis antiaéreos Tor-M2 (Vídeo)

Sistema é capaz de detectar simultaneamente até 40 alvos e derrubar quatro de cada vez

Foram utilizados alvos que simulavam aeronaves táticas modernas, mísseis de cruzador, bombas aéreas guiadas e drones (Captura de tela)

Foram utilizados alvos que simulavam aeronaves táticas modernas, mísseis de cruzador, bombas aéreas guiadas e drones (Captura de tela)

O exército russo decidiu mostrar mais uma vez seu poder bélico ao anunciar que as unidades de defesa antiaérea realizaram exercícios em que testaram o lançamento de mísseis antiaéreos Tor-M2, conforme mostrado em um vídeo publicado pelo Ministério da Defesa da Rússia.

A prática, realizada no campo de testes de Kapustin Yar (província de Astracã), utilizou alvos que simulavam aeronaves táticas modernas, mísseis de cruzador, bombas aéreas guiadas e drones.

O Tor-M2 destina-se a defender instalações civis e militares de ataques com aviões, helicópteros, mísseis de cruzador e drones.

O sistema antiaéreo é capaz de detectar simultaneamente até 40 alvos e derrubar quatro de cada vez. A arma foi desenvolvida especificamente para interceptar alvos de pequenas dimensões e trajetória variável, o que o torna superior aos sistemas estrangeiros similares, de acordo com a agência russa de notícias Sputniknews.

Além disso, a manobra neutralizou um ataque aéreo realizado com grupos de aviões em altitudes entre 10 e 15 mil metros e entre três e 12 quilômetros de distância.

Esses lançamentos foram feitos tanto em veículos em movimento com paradas curtas quanto em posições acondicionadas.

Os sistemas de mísseis terra-ar Tor-M2 são unidades plenamente atualizadas da família Tor e estão equipados com novos mísseis 9M338K. Em comparação com as versões anteriores, o equipamento de cada instalação de lançamento aumentou de oito para 16 unidades.

O sistema de mísseis de defesa aérea Tor-M2 é produzido em três versões. Tor-M2E é a versão de exportação.

O exército russo dispõe destes sistemas de mísseis desde 2016.

A família de mísseis Tor está a serviço das forças armadas do Azerbaijão, Bielorrússia, China, Chipre, Egito, Grécia, Irã, Rússia, Ucrânia e Venezuela.

Leia também:
Senador dos EUA pede evacuação de norte-americanos da Coreia do Sul
Trump informa Oriente Médio sobre transferência da embaixada a Jerusalém
Ministro da Defesa argentino confirma morte de tripulação do submarino ARA San Juan

Todo conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada. Para reproduzir a matéria, é necessário apenas dar crédito ao Epoch Times em Português e para o repórter da matéria.
Leia a diferença. Epoch Times Todos os direitos reservados © 2000-2016