Rejeição ao ministro Barroso cresce nas redes sociais

Por Italo Toni Bianchi

O assunto “Barroso na cadeia” ficou entre os mais comentados do dia nessa terça-feira (3) nas redes sociais. Os internautas mantiveram a hashtag com a mensagem em alta durante praticamente todo o dia, principalmente no Twitter.

Os usuários da rede social fizeram muitas críticas ao presidente do Superior Tribunal Eleitoral (TSE) por causa das últimas falas do magistrado a respeito do voto impresso.

O TSE pediu abertura de inquérito, remetido ao Supremo Tribunal Federal (STF), contra Jair Bolsonaro por fake news após denúncias feitas por ele em sua live na semana passada.

No Boletim da Manhã desta quarta-feira (4), o analista político Ítalo Lorenzon destacou que a indignação de tantas pessoas contra o ministro Luís Roberto Barroso se deve ao processo aberto contra o presidente Jair Bolsonaro, onde os próprios juízes são autores e julgadores do inquérito.

“De fato, o STF não pode abrir inquérito criminal, no ordenamento jurídico do Ocidente, não existe a figura do inquérito criminal aberto pelo juiz. O juiz não pode ser autor do inquérito criminal aberto, ele tem que ser a terceira parte, aquela que julga”, lembrou.

Entre para nosso canal do Telegram

Siga o Epoch Times no Gettr

Veja também:

 
Matérias Relacionadas