Para governar bem é necessário virtude

Devido a Cao Shen ter acumulado muitos méritos durante as guerras destacando-se nos campos de batalha, Liu Bang, o imperador fundador da Dinastia Han, tornou-o primeiro-ministro do Estado de Ji.

O povo de Ji era bem conhecido pela competitividade e pelo egocentrismo. Cao Shen sabia que eles eram difíceis de serem governados, por isto, convidou mais de cem sábios anciãos para discutirem sobre como manter um estado pacífico e próspero.

Infelizmente, todos tiverem a mesma opinião e Cao não podia decidir o que fazer. Quando soube que Gai Gong de Jiaoxi era muito versado na antiga doutrina Huang, o convidou e lhe enviou generosos presentes para demonstrar a sua lealdade. Gai disse: “Para governar um país, você tem que se intrometer menos e permitir que as pessoas escolham seu próprio caminho.” Cao deu a Gai os melhores quartos em sua casa para poder consultá-lo sempre que precisava. Como resultado, o Estado de Ji desfrutou de muita paz durante nove anos.

Quando o primeiro-ministro Xiao faleceu, Cao Shen ocupou seu lugar. Cao escolheu pessoas de grande caráter moral e virtude para substituir os funcionários que só buscavam fama e fortuna e que tinham uma personalidade bajuladora. Ele seguiu as regras e princípios de Xiao He e não fez mudanças. Como resultado, desfrutou de uma vida simples com muito tempo livre para ser desfrutado.

Um dia o Imperador Han Hui Di perguntou a Cao: “Ouvi dizer que você bebe o dia todo. Como administra os assuntos do reino assim?”

“Pediria que sua Majestade pensasse. Comparando o senhor com o imperador fundador Gao Zu, quem é melhor?”

“Bom, como eu poderia me comparar a Gao Zu!”

“Sua Majestade me diria, entre Xiao He e eu, quem é o mais capaz?”

“Em minha opinião, Xiao He foi melhor.”

“Perfeitamente. Já que alguém virtuoso e respeitado criou normas e conseguiu que o reino inteiro se convertesse num lugar melhor; se somente seguirmos as normas e não alteramos os princípios, então, o reino será fácil de comandar e todos poderão desfrutar a vida e relaxar.”

Depois de ouvir isto, Hui Di não tinha nada mais a dizer.

Cao Shen deu às pessoas uma oportunidade para respirarem e se recuperarem, por isto, todos o respeitaram e admiraram.

Em nossa sociedade, todos pensam em ser mais capazes e competentes do que o resto. Quando alguém atinge uma posição de decisão, a primeira coisa que faz é criar novas regras, mudar as condições existentes e chamar isto de realizar “melhorias”. Na realidade, todos deveríamos aprender com Cao Shen e pensar mais no próximo, buscando soluções virtuosas, sem nos intrometermos muito nas vidas alheias.

Este artigo pertence a série “Histórias da antiga China”; para ler outros artigos da série, clique aqui.

 
Matérias Relacionadas