Crianças carentes não podem pagar o material escolar básico, mas um homem entra em ação com uma maravilhosa solução

Quando esse homem percebeu o quão sortudo ele era, ele não conseguiu mais ficar parado e ver crianças com menos sorte passarem dificultades

Quando as pessoas crescem sem enfrentar adversidades significativas, elas costumam considerar o básico como certo. No entanto, quando esse homem percebeu o quão sortudo ele era, ele não conseguiu mais ficar parado e ver crianças com menos sorte passarem dificuldades.

Matthew Kurtzman cresceu em Wilmette, Illinois. Ele teve tudo que se poderia esperar quando criança.

(Cortesia de Back 2 School Illinois)

Ele foi para uma boa escola e teve pais cuidadosos e envolvidos. Seu pai treinou seu time de basquete, e sua mãe era uma mãe para os escoteiros.

Sua vizinhança era segura e ele podia sair sem medo. Ele podia brincar ao ar livre e ir para a escola sozinho até terminar o ensino médio.

Ele não sabia dos problemas que as crianças do centro de Chicago enfrentavam.

Depois de terminar sua educação, Kurtzman começou sua carreira como coordenador de produção da unidade de cinema no “Saturday Night Live” e depois seguiu uma carreira em marketing e publicidade.

Ele continuou uma carreira de sucesso com empresas conceituadas, mas não se sentia totalmente realizado.

Em 2002, Kurtzman se tornou sócio de uma agência de publicidade em Northfield, Illinois, e foi quando percebeu o que estava faltando em sua vida.

A Community Currency Exchange Association de Illinois era um cliente dele. Essa associação tinha um histórico de serviço comunitário, mas ele percebeu que eles não tinham um programa que fosse deles que ilustrasse seu envolvimento com a comunidade.

Kurtzman não queria simplesmente ajudar um cliente, ele queria causar um impacto real.

(Cortesia de Back 2 School Illinois)

“Eu estava procurando por algo que eu senti que era universal em necessidade e apelo”, disse Kurtzman ao Epoch Times.

Existem muitas causas que valem a pena, mas Kurtzman reconheceu a educação como sendo um dos pilares sociais.

Kurtzman compreendeu rapidamente que a educação e o apoio que recebeu quando criança não estavam mais disponíveis na cidade de Chicago.

“Eu reconheci o quão feliz eu era nessa arena, crescendo em um subúrbio privilegiado… o contraste de morar na cidade era impressionante”, explicou Kurtzman.

Segundo Kurtzman, 1,2 milhão de crianças em Illinois vivem em lares de baixa renda. Muitas dessas crianças e suas famílias não podem pagar os materiais escolares mais básicos como cadernos, canetas ou lápis.

“Porque eu faço o que faço [agora] exatamente por esse motivo. Porque eu não tive essa adversidade na maioria dos aspectos da minha vida”, disse Kurtzman.

Kurtzman criou um programa que fornece material escolar para crianças carentes para a Community Currency Exchange Association de Illinois em 2002.

O programa foi tão bom que a Community Currency Exchange Association transformou-o em uma organização sem fins lucrativos em 2010. Kurtzman se tornaria o diretor executivo e, mais tarde, o CEO. Em 2015, o programa mudou seu nome para Back 2 School Illinois (de volta à escola em Ilinois).

(Cortesia de Back 2 School Illinois)

Back 2 School Illinois aceita doações de indivíduos, empresas e angariadores de fundos para financiar kits de materiais escolares gratuitos para estudantes carentes.

O programa Build-A-Kit da organização sem fins lucrativos também envia suprimentos a granel para uma empresa ou uma organização para que eles mesmos possam montar os kits.

O impacto do Back 2 School Illinois é mais quantificável e visível do que muitas outras instituições de caridade ou organizações.

O projeto forneceu mais de 4,7 milhões de materiais escolares aos estudantes de Chicago desde sua fundação em 2010.

(Cortesia de Back 2 School Illinois)

No entanto, para Kurtzman, ainda há muito trabalho a ser feito.

“Você pode pensar que eu estou feliz com o quanto estamos fazendo e com o impacto positivo que estamos tendo. Ao mesmo tempo, quanto mais fundo você entra nisso, mais precisa se envolver ”.

Os fundamentos da educação são cruciais, mas essa questão em Chicago e em outros lugares nos Estados Unidos é maior do que se imagina.

“Como sociedade, tudo remete à educação. As más escolhas que fazemos como sociedade são causadas pela falta de educação”, explicou Kurtzman. “E quando digo educação, quero dizer em seu sentido mais amplo. Não me refiro apenas a leitura, escrita e aritmética ”.

A educação é fundamental para formar uma sociedade que possa se engajar em um discurso produtivo, explicou Kurtzman.

Sem uma educação ampla, as pessoas não conseguem entender outros pontos de vista e não têm a mente aberta para ideias alternativas.

“As pessoas buscam reforço de sua mentalidade existente”, disse Kurtzman.

Kurtzman acredita que, se a sociedade puder resolver o problema da educação, ela poderá começar a resolver os outros problemas sociais.

Kurtzman também planeja expandir a Back 2 School Illinois nacionalmente.

“Você resolve o problema da educação e consequentemente resolve todos os outros problemas. O maior retorno sobre o investimento é através do investimento em educação”, disse Kurtzman.

 
Matérias Relacionadas