Capim dourado: herança de ouro do Jalapão

Capim-dourado
Artesanato feito com a planta serve de sustento para centenas de famílias (Divulgação/Turismo Tocantins)

Além da grande aspiração para o ecoturismo, a região das veredas do Jalapão, no Tocantins, tem uma particularidade: o crescimento de uma planta única, o capim dourado. A flor tem haste de brilho dourado e serviu como meio de subsistência de famílias indígenas da região. Sua semente, encontrada na pequena flor branca, garante a perpetuação da espécie nativa.

Atualmente cooperativas formadas por mulheres artesãs confeccionam o produto, que serve como matéria-prima para objetos utilitários como bolsas, brincos, chapéus e mandalas. A atividade é responsável pelo sustento de diversas famílias e atrai turistas de vários países.

A técnica foi transmitida por mulheres indígenas e está entre os principais atrativos naturais e culturais do Jalapão. O ensino é feito de geração a geração e abrange os municípios de Mateiros, Ponte Alta, Novo Acordo, Santa Tereza, Lagoa do Tocantins e no Prata, um vilarejo do município de São Félix do Jalapão.

 
Matérias Relacionadas