Cachorro protege sua dona de puma perigoso que apareceu em seu quintal

'Abri minha porta e vi o puma literalmente olhando para mim', relatou a dona

Por Epoch Times 

Um cachorro resgatado, de La Verne, na Califórnia, escolheu proteger sua família em vez de fugir quando sua dona, Mary Padres, abriu a porta de trás de sua casa no mês passado e avistou um enorme puma olhando para ela.

Mary, uma engenheira civil e estilista de 43 anos, não esperava que seu cachorro, Rocky, entrasse em ação da maneira que ele fez. Ela descreve Rocky como “um cão muito calmo, doce e nada agressivo”.

“Abri minha porta de correr e quando a abri, vi o puma literalmente olhando para mim”, relatou Mary ao Epoch Times. “Ele estava muito disposto a caçar os cães”.

(Cortesia de Mary Padres)
(Cortesia de Mary Padres)

Mary, que também dirige um centro de resgate de cães, adotou Rocky por sua natureza lúdica. Rocky recompensou sua salvadora atacando o puma.

“Seu instinto de proteção assumiu o controle de seu cérebro”, afirmou Maria. “Era a personalidade dele que estava tentando me salvar, foi incrível”.

“Foi muito assustador. Ele avançou no puma”.

Em pouco tempo, o puma e Rocky desapareceram de vista.

Temendo pela vida de seu cachorro, Mary e sua família enfrentaram a calada da noite para procurá-lo, gritando: “Rocky! Rocky!”.

Imagem ilustrativa (Pexels)
Imagem ilustrativa (Pexels)

De repente, eles ouviram latidos. Mas repentinamente eles desapareceram.

“Foi quando ficamos realmente assustados e sabíamos que algo estava errado”, afirmou Mary.

Pegaram as lanternas e começaram a vasculhar a encosta, até que, após meia hora de chamados, ouviram passos correndo em sua direção.

“Ficamos com um pouco de medo de não saber de quem eram esses passos rápidos, até que vimos que era Rocky”, relatou Mary. “Ele correu em nossa direção e desabou em nossas mãos”.

(Cortesia de Mary Padres)
(Cortesia de Mary Padres)

Felizmente, a família conseguiu levar Rocky ao veterinário o mais rápido possível. Ele estava sangrando e respirando superficialmente. Ele tinha marcas de mordidas enormes na cabeça e na garganta de onde o puma o arrastou, afirmou Mary.

“Ele ganhou o nome certo”, acrescentou Mary.

Após três semanas e 30 pontos, Rocky se recuperou, mas ainda resiste em sair da casa.

Enquanto isso, o puma ainda está solto na comunidade. E Maria, além de expressar seu espanto e gratidão pelo ato de bravura de seu fiel cão, quer sensibilizar seus vizinhos sobre o perigo do puma estar circulando na área e quer que eles fiquem de olho em seus filhos e animais de estimação.

Entre para nosso canal do Telegram

Assista também:

 
Matérias Relacionadas