BOMBA: ex-sócio de Hunter Biden dá a jornalista acesso TOTAL à sua conta de e-mail

E-mails descrevem como o filho de Joe Biden usou sua influência para aproximar Partido Comunista Chinês do governo Obama e faturar bons clientes

Por Leonardo Trielli, Senso Incomum

O vice-presidente do governo Obama e atual candidato à presidência dos EUA, Joe Biden, parece ter mais esqueletos no armário do que o Facebook e o Twitter conseguem esconder. E, desta vez, é material inconteste.

E-mails de um ex-sócio do filho de Joe Biden, Hunter Biden, descrevem em detalhes como Hunter e seus parceiros de negócios usaram seu acesso à administração Obama-Biden para organizar reuniões privadas entre clientes e investidores estrangeiros em potencial e altos funcionários da Casa Branca. Os e-mails mostram, por exemplo, como uma delegação de investidores chineses e funcionários do Partido Comunista conseguiram uma reunião privada e não oficial com o então vice-presidente Joe Biden – e como este encontro seria bom para ganhar “clientes potencialmente excelentes”.

As mensagens bombásticas foram fornecidas pelo ex-sócio de Hunter Biden, Bevan Cooney, ao jornalista do Breitbart News, Peter Schweizer. Cooney está preso por envolvimento em fraude num esquema de investimento de títulos em 2016.

Em 2019, Cooney entrou em contato com o jornalista depois de ler as revelações do livro Secret Empires’, escrito por Schweizer em 2018. Cooney acredita que foi o “bode expiatório” no esquema e que seu sócio Hunter Biden se eximiu de responsabilidade.

Tempos depois, Cooney restabeleceu contato com Peter Schweizer por meio de outro jornalista investigativo, Matthew Tyrmand. Da prisão, concedeu a Schweizer uma autorização por escrito, seu nome de usuário e senha de sua conta do Gmail, para que o jornalista recuperasse as mensagens. Ele também autorizou, por escrito, a publicação desses e-mails.

O jornalista Matthew Tyrmand, em resposta à postagem dizendo que havia, “no mínimo, uma história sobre Hunter Biden”:
“Eu confirmo aqui e agora: ‘NO MÍNIMO’ é o termo preciso.”


É a primeira vez que se confirma publicamente as negociatas de Hunter que contaram com uma ajudinha de seu pai. Os e-mails mostram como a família Biden conduziu os negócios durante a administração Obama-Biden.

Com informações do Breitbart News

Apoie nosso jornalismo independente doando um “café” para a equipe.

Veja também:

 
Matérias Relacionadas