Ativista do BLM Sasha Johnson está em ‘estado crítico’ após levar um tiro na cabeça

Por Jack Phillips

Sasha Johnson, ativista do Black Lives Matter ( BLM ) de Londres , está em “estado crítico” depois de levar um tiro na cabeça no fim de semana, de acordo com seu partido político.

“É com grande tristeza que informamos que nossa Sasha Johnson foi brutalmente atacada e sofreu um ferimento à bala na cabeça”, disse em um comunicado o Partido de esquerda Taking the Initiative Party (TTIP), “Ela está atualmente em tratamento intensivo e em estado crítico.”

A TTIP alegou que Johnson foi baleada “após inúmeras ameaças de morte como resultado de seu ativismo”, observando que Johnson, uma mãe de três filhos, é “tanto um membro do BLM quanto um membro do Comitê de Liderança Executiva do Taking the Initiative Party. ”

A Polícia Metropolitana de Londres confirmou em um comunicado à imprensa que uma mulher foi baleada no bairro de Southwark, em Londres, por volta das 3h da manhã de domingo, “nas proximidades de uma casa onde estava acontecendo uma festa”. Não está claro se ela estava participando da festa.

A Polícia Metropolitana também pareceu refutar a sugestão da TTIP de que ela era o alvo do tiroteio devido a suas opiniões políticas ou ativismo em Black Lives Matter.

Policiais forenses em Consort Road estão investigando o ataque a Sasha Johnson, em Londres, Inglaterra, em 24 de maio de 2021 (Chris J Ratcliffe / Getty Images)

“Não há nada que sugira que foi um ataque direcionado ou que a mulher recebeu ameaças confiáveis ​​antes do incidente”, disse o departamento, de acordo com o comunicado.

O amigo de Johnson, Imarn Ayton, disse à ITV que ela provavelmente foi baleada em um incidente “mais relacionado a gangues rivais” na área.

“Acho que em uma festa houve algum tipo de disputa entre dois indivíduos ou duas gangues e era a hora e o lugar errados”, continuou Ayton, acrescentando que não “acredita que [Johnson] foi a pessoa que originalmente iria ser atacada. ”.

Ayton continuou: “Não posso especular, eu não estava lá. Mais uma vez, com base nas informações que me deram de amigos e familiares mais próximos, pelo que sabemos, ela estava em uma festa ou algum tipo de reunião e este incidente está mais relacionado a gangues rivais do que seu ativismo. ”

Detetives do Comando de Especialistas em Crimes da Polícia Metropolitana estão conduzindo uma investigação e querem falar com as pessoas que estiveram na festa.

“Uma equipe dedicada de detetives está trabalhando incansavelmente para identificar a pessoa ou pessoas responsáveis ​​por este tiroteio”, disse o inspetor-chefe Jim Tele, relatado pela CNN.

Entre para nosso canal do Telegram.

Veja também:

 
Matérias Relacionadas