Vítimas das enchentes no Himalaia serão cremadas por medo de epidemia

(Manan Vatsyayana/AFP/Getty Images)

Temendo a possível eclosão de uma epidemia, as autoridades indianas começaram hoje a preparação para a cremação no local das vítimas das enchentes no Himalaia.

Em Kedarnath, um dos locais mais atingidos, helicópteros da Força Aérea da Índia assumiram as tarefas de transportar toneladas de lenha, ghee (uma espécie de cera usada em velas) e outros materiais – os primeiros suprimentos necessários para a cremação em massa planejada. As cremações começarão quando o tempo limpar e a chuva parar; enquanto isso os sacerdotes do Templo Kedarnath supervisionarão todos os rituais.

K.N. Pandey, um oficial sênior de gestão de desastres, disse à AFP que os corpos estão em decomposição. “De forma alguma podemos permitir um surto epidêmico”, disse ele.

Simultaneamente, as autoridades organizadoras da cremação disseram que os pertences e documentos recuperados dos mortos estão sendo catalogados para ajudar na identificação. Amostras de DNA também estão sendo coletadas.

Além disso, um helicóptero da Força Aérea indiana, retornando de uma missão de resgate em Kedarnath, atingiu o lado de uma montanha e caiu num rio na terça-feira, matando oito pessoas. A Força Aérea disse num comunicado que ordenou um inquérito sobre o acidente.

As autoridades temem que mais de 5 mil pessoas tenham morrido, enquanto milhares continuam isoladas, devido às enchentes que devastaram a região de Uttrakahnd no Himalaia indiano.

Epoch Times publica em 35 países em 21 idiomas.

Siga-nos no Facebook: https://www.facebook.com/EpochTimesPT

Siga-nos no Twitter: @EpochTimesPT

 
Matérias Relacionadas