Vazamento de vídeo de Hunter Biden gera aumento de buscas por ‘quero mudar meu voto’ no Google

O termo "posso mudar meu voto" teve grande aumento após o vazamento dos vídeos explícitos e e-mails de Hunter Biden

Por Leonardo Trielli, Senso Incomum

Na semana passada, desenvolveu-se mais um capítulo da novela sobre a máfia Biden, quando viralizaram vídeos pesadíssimos nos quais o protagonista é supostamente o filho de Joe Biden fumando crack em cenas de sexo explícito com uma mulher não identificada.

Apesar das tentativas da grande mídia e das Big Tech de censurar o caso, o escândalo que envolve o filho de Biden, e respinga no próprio candidato democrata à presidência dos EUA, parece estar influenciando as eleições.

O sistema eleitoral americano permite que eleitores antecipem o seu voto. Ao que indicam alguns números do Google Trends, alguns eleitores parecem estar arrependidos da sua escolha antecipada.

As buscas no Google com o termo “can I change my vote” (‘posso mudar meu voto’ em tradução livre) aumentaram no domingo à noite logo após os vídeos e fotos explícitos de Hunter se tornarem virais, informa o portal Gateway Pundit.

Mas o escândalo não parece ter sido o único motivo do aumento no interesse do eleitor em mudar o seu voto antecipado. O mesmo termo também teve um pico de pesquisas logo após o último debate entre os candidatos ao cargo na Casa Branca.

Embora o Google não informe o número exato de vezes em que o termo foi pesquisado, eles os indexam em uma escala de 1 a 100 com base no número de pesquisas que ficaram acima da média.

Apoie nosso jornalismo independente doando um “café” para a equipe.

Veja também

 
Matérias Relacionadas