Chinesa fica em casa por um mês mas é infectada por coronavírus após receber entrega de alimentos

A cidade de Wuhan está isolada há mais de 40 dias e, mesmo assim, mais e mais moradores estão sendo infectados

Por Olivia Li

A cidade de Wuhan está isolada há mais de 40 dias e, mesmo assim, mais e mais moradores estão sendo infectados.

Uma usuária do WeChat gravou uma conversa em áudio com uma amiga que foi infectada recentemente pelo vírus quando fez compras no supermercado há uma semana. Eu precisava reabastecer arroz, legumes e óleo de cozinha depois de ficar em casa por quase um mês.

“Ontem fui ao hospital. Quando cheguei no final da tarde, por volta das 18h, fiz apenas uma tomografia computadorizada e um exame de sangue. Ambos os testes mostraram que eu tenho infecções virais, pneumonia viral. No entanto, este hospital só realiza testes de sequenciamento genético das 8h às 14:00 Então, eu ainda não fiz um teste de seqüenciamento genético. A equipe do meu escritório comunitário providenciou para que eu ficasse em quarentena na residência Zhixing da Universidade de Hubei na noite passada. Ela fica em uma área suburbana. O hospital aqui não pode realizar testes de seqüenciamento genético.”

“Meu principal sintoma é dificuldade em respirar. (Embora eu não tenha tido o diagnóstico final), as infecções pulmonares estão confirmadas. Comecei a ter dificuldade em respirar três dias atrás, mas não levei a sério a princípio, porque basicamente fiquei em casa por quase um mês”.

“Uma semana atrás eu saí, porque estava ficando sem comida. Desci para procurar arroz, legumes, ovos e óleo de cozinha várias vezes. Não senti nada quando terminei de fazer compras, no entanto, três dias atrás, senti que meu peito estava apertado. Ontem piorou e quase desmaiei em casa. Mesmo quando liguei para a linha 120 de emergência, minhas mãos estavam tremendo e eu não conseguia ver o texto na tela do meu celular claramente. Então eles me mandaram para o hospital para um exame físico. Agora estou esperando o escritório da comunidade me transferir para outro hospital para tratamento e obter um teste de seqüenciamento genético.”

“Não consegui dormir nada ontem à noite no local da quarentena. Não era porque eu estava nervosa, mas porque estava com febre e falta de ar, todo o meu corpo estava dormente. A equipe de nosso escritório comunitário me disse que meus sintomas pertencem à categoria de doenças graves. Eu até senti como se meus vasos sanguíneos estivessem prestes a explodir. Eu tenho problemas para respirar e meu batimento cardíaco está muito rápido, eu podia ouvir “Tong … Tong … Tong …”, assim mesmo. Ainda estou na quarentena, esperando o arranjo do meu escritório comunitário.

“Não dormi nada ontem à noite. Não tenho conhecidos na minha comunidade. Eu fui infectada simplesmente ao descer para pegar a entrega. Apenas desci, peguei os itens e voltei a subir. Há uma semana, tive entregas vários dias seguidos. Também enchi novamente a água potável e fui a um complexo para obter gás propano. Eu viajei pelos complexos A, B e C naqueles dias, e foi isso.”

“Eu me culpei por ser muito gananciosa. Por mais de 20 dias, não participei de nenhum grupo de mídia social para pedir comida e consumi toda a comida que tinha em casa. Então, com muita dificuldade, entrei para um grupo de pedidos de alimento. Eu deveria ter me sentido satisfeita quando recebi meus pedidos de alimento. No entanto, quando eu comi alguns legumes, eu ansiei por frutas. Depois de comer frutas, eu quis comprar óleo de cozinha e armazenar arroz, que pode durar um mês. Quanto às frutas, depois de comer tangerinas, eu também queria comer morangos. Mais tarde, também ansiava por macarrão quente e seco. Então foi através do meu capricho que me infectei. Com tanto desejo, não levei o coronavírus a sério o suficiente. Além disso, eu não tinha ouvido falar de nenhuma infecção em nossa comunidade e achava que não havia pacientes em nossa comunidade. Em nosso grupo de mídia social, ninguém nunca me disse se havia pacientes em nossa comunidade. Caso contrário, eu não teria feito tantas viagens para pegar comida. ”

Internautas chineses notaram um nível sem precedentes de bloqueio de Internet nos últimos dias. É cada vez mais difícil ouvir as verdadeiras histórias pessoais dos moradores de Wuhan. Portanto, este vídeo recém-publicado é muito valioso.

 
Matérias Relacionadas