Trump pede que Nova Iorque ative a Guarda Nacional após ter sido ‘despedaçada’

Portas da principal loja da Macy em Manhattan foram arrombadas

Por Jack Phillips

O presidente Donald Trump pediu às autoridades da cidade de Nova Iorque que convoquem a Guarda Nacional para lidar com agitações, incêndios criminosos e saques em meio a protestos pela morte de George Floyd.

Ao apelar para Nova Iorque ativar a Guarda Nacional, Trump disse que “desvalidos e perdedores estão destruindo” a cidade. “Não cometa o mesmo erro horrível e mortal que você cometeu com os lares de idosos”, disse ele, referindo-se a uma diretiva controversa do estado que foi descartada durante a pandemia de COVID-19.

Minutos antes, Trump escreveu que o governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, recusou sua “oferta de uma Guarda Nacional dominante”, pois a cidade tinha sido “despedaçada”.

O prefeito Bill de Blasio anunciou um toque de recolher em toda a cidade a partir das 20h. até as 5 da manhã após a destruição em vários bairros.

“A noite passada foi ruim na cidade de Nova Iorque”, disse o governador na segunda-feira. “É na cidade de Nova Iorque, onde acredito que há pessoas que usam o caos do momento. É uma oportunidade. Se você quer roubar, é a noite para fazer isso. Se você é um grupo extremista e quer pregar anarquia, é a noite para fazê-lo.”

Cuomo disse que, enquanto defende os manifestantes, “há pessoas que procuram distrair e desacreditar este momento”.

Os manifestantes saquearam uma loja do NY Yankee durante manifestações pela morte de George Floyd, na cidade de Nova York em 1 de junho de 2020 (Bryan R. Smith / AFP / Getty Images)
Manifestantes saquearam uma loja do NY Yankee durante manifestações pela morte de George Floyd, na cidade de Nova Iorque em 1 de junho de 2020 (Bryan R. Smith / AFP / Getty Images)

“A violência e os saques têm sido ruins para a cidade, o estado e todo esse movimento nacional, minando e distraindo essa causa justa. Embora incentivemos as pessoas a protestar pacificamente e a ouvir suas vozes, a segurança do público em geral é primordial e não pode ser comprometida”, afirmou ele em entrevista coletiva.

No entanto, o toque de recolher imposto pelo prefeito não impediu outra noite de destruição, incluindo prisões após um assalto na icônica loja Macy na 34th Street, após protestos contra a morte de Floyd.

Às 23h, quando o prazo para sair das ruas se aproximava, grupos de manifestantes marcharam pacificamente por Manhattan e Brooklyn, mas a polícia respondeu simultaneamente a numerosos relatos de grupos itinerantes de pessoas abrindo caminho em lojas e esvaziando-as de mercadorias.

As portas da principal loja da Macy em Manhattan foram arrombadas. A polícia retirou dois homens algemados e os colocou em uma van.

As pessoas também foram a uma loja da Nike e foram vistas carregando braçadas de roupas. As janelas dos bancos também foram quebradas na área.

A Associated Press contribuiu para esta reportagem.

Você sabia?

O Epoch Times é a primeira e única mídia que expõe a verdadeira natureza, impacto e objetivo final do comunismo. Explicamos seu dano ao nosso fundamento moral e às tradições orientais e ocidentais. Também discutimos os resultados do socialismo e seu impacto na estabilidade econômica e política dos países.

Estamos trabalhando dia e noite para cobrir o surto de vírus do PCC para você. Doar tão pouco quanto uma xícara de café ajudará a manter nossa mídia em funcionamento.

Ajude-nos agora doando um ‘CAFÉ’ para a equipe.

Veja também:

O Método do PCC

 
Matérias Relacionadas