Tensão aumenta após 3º ataque do dia contra israelenses

Por EFE

Jerusalém, 6 fev – Um segundo ataque com armas desta quinta-feira, o terceiro do dia contra as forças de segurança de Israel, aumentou ainda mais a tensão na região de Jerusalém, onde vários soldados foram feridos e um dos supostos responsáveis foi morto.

O exército israelense relatou nesta quinta que um de seus soldados foi ferido a tiros no terceiro atentado do dia e chamou a pessoa responsável pelos disparos, que fugiu, de terrorista.

Antes disso, houve um primeiro ataque, no qual um motorista atropelou um grupo de soldados israelenses em Jerusalém, deixando 12 feridos, e depois fugiu. Em seguida, um árabe de Israel abriu fogo sobre um grupo de policiais na Cidade Velha de Jerusalém e foi morto.

Além disso, dois palestinos – um jovem de 19 anos supostamente armado e um policial – foram mortos hoje em confrontos com o exército israelense na Cisjordânia. Ontem, outro palestino havia sido baleado e morto durante protestos realizados em Hebron contra a proposta de paz apresentada pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

 
Matérias Relacionadas