Ted Cruz: Censura tecnológica é a maior ameaça à liberdade e democracia hoje

Senador alertou para a crescente concentração de poder sobre o fluxo de informação nas mãos das maiores companhias de tecnologia do mundo

Por Leonardo Trielli, Senso Incomum

O senador republicano Ted Cuz, descreveu a censura das empresas de tecnologia como “a maior ameaça à liberdade de expressão e à democracia”, em entrevista ao Breitbart News.

Cruz observou a crescente concentração de poder sobre o fluxo de informações detido pelas maiores empresas de tecnologia do mundo.

“A censura das big techs é, penso eu, a maior ameaça à liberdade de expressão e à democracia no país hoje”, disse Cruz. “Há um punhado de bilionários do Vale do Silício que acumulou mais poder do que nunca sobre a informação, a opinião pública, as narrativas e as big techs estão descaradamente silenciando e censurando os conservadores.”

Cruz lembrou das advertências do professor de psicologia e pesquisador Robert Epstein sobre a capacidade e a intenção do Google de aproveitar sua infraestrutura para auxiliar a campanha presidencial de Joe Biden e dos democratas de maneira mais ampla.

Epstein percebeu que o Google suprimiu mídias conservadoras de suas ferramentas digitais e mecanismos de pesquisa, demonstrando o compromisso da empresa com o avanço da hegemonia da esquerda.

“Dr. Robert Epstein, que é um psicólogo muito respeitado, fez uma análise empírica do Google em 2016. Ele concluiu que resultados de pesquisa manipulados e tendenciosos no Google desviaram 2,6 milhões de votos para Hillary Clinton. Dr. Epstein não é um republicano. Ele é um democrata liberal que votou em Hillary Clinton e a apoiou abertamente mas, mesmo assim, ficou indignado com o fato de uma gigante do Vale do Silício estar colocando o dedo na balança e manipulando ativamente o resultado da eleição.”

O senador concluiu o assunto afirmando que é necessário uma mobilização por parte dos conservadores movendo “ações judiciais que garantam a preservação das proteções da Primeira Emenda contra a censura das empresas de tecnologia.”

Apoie nosso jornalismo independente doando um “café” para a equipe.

Veja também:

 
Matérias Relacionadas