Saiba como prevenir lesões em crianças durante as férias

Segundo ortopedista do HCor, cerca de 50% dos casos poderiam ser evitados
Criança com skate
Medidas preventivas como o uso de capacete e calçados adequados podem evitar lesões mais sérias (Alex E. Proimos/Creative Commons)

As férias escolares são sinônimo de brincadeiras, viagens e passeios, o que torna comum casos de lesões. A atenção redobrada dos pais torna-se necessária durante o período de recesso. A prática de esportes é uma boa maneira de incentivar a disciplina e o condicionamento físico das crianças. Nas férias, os exercícios intensos exigem cuidados que podem prevenir lesões graves como torções e contusões.

A coordenação motora infantil, ainda em desenvolvimento, implica menor velocidade de reação física se comparada a dos adultos. Conforme as crianças crescem e se fortalecem, os riscos de lesões também aumentam. Geralmente, as crianças menores de 10 anos se machucam em playgrounds. Já os adolescentes tendem a se lesionar por meio da prática de esportes, além das quedas de bicicleta.

Nas práticas esportivas, as lesões podem ocorrer como resultado de quedas, batidas, boladas, torções, entre outros. Todos os esportes e exercícios físicos implicam riscos e a única solução está em preveni-las.

Os pais são aliados importantes e precisam se informar das causas e das formas de prevenir lesões, o que garante aos filhos a oportunidade de praticar esportes de maneira segura. “No HCor, durante as férias do ano passado, recebemos 10% a mais de atendimentos de crianças lesionadas durante as recreações. As lesões mais frequentes são contusões (traumas que afetam somente as partes moles das articulações) e lesão da cartilagem”, explica Dr. Rene Abdalla, ortopedista responsável pelo Instituto do Joelho do HCor, em São Paulo.

Estima-se que mais da metade das lesões ocorridas durante atividades esportivas envolvendo crianças e adolescentes possa ser prevenida se os pais tivessem tomado os devidos cuidados e tido orientação. “A utilização de equipamentos corretos, como calçados apropriados, treinamento com técnica adequada, supervisionado por treinadores e técnicos, exercícios de alongamento muscular ou de flexibilidade, além de avaliação médica e multiprofissional estão entre as principais medidas preventivas”, esclarece o ortopedista.

É importante o uso de capacete nas atividades que utilizem equipamentos de roda, por menor que seja o percurso. A escolha do calçado, tamanho e tipo adequado também é outro fator importante. “O uso de um calçado apropriado é importante para a prática esportiva, assim os pais não devem permitir que as crianças brinquem ou pratiquem esportes descalças ou com sandálias, para evitar lesões mais sérias nos pés”, alerta o ortopedista.

 Dicas para prevenir lesões com as crianças durante as atividades físicas:

– Avalie os níveis de dificuldade de cada esporte para ver se eles são compatíveis com a idade e o tamanho da criança. Por exemplo: uma bicicleta de adulto não serve para uma criança.

– Garanta que a criança, ao andar de bicicleta, patins ou skate, sempre utilize roupas adequadas e proteção apropriada, como capacete, joelheiras e cotoveleiras

– Antes de começar qualquer esporte, as crianças devem passar por um exame médico

– Verifique se o treinador da criança está capacitado a prestar um serviço de primeiros socorros em caso de acidentes

– Veja se o ambiente de treinamento é adequado para prática esportiva

– Estabeleça um tempo adequado de intervalo entre as atividades

Epoch Times publica em 35 países em 21 idiomas

Siga-nos no Facebook: https://www.facebook.com/EpochTimesPT

Siga-nos no Twitter: @EpochTimesPT 

 
Matérias Relacionadas