Regime venezuelano falta a início de nova rodada de negociação com oposição

Por Agência EFE

A delegação do regime da Venezuela não participou na sexta-feira(24) do início da terceira rodada de diálogo com a oposição, no México, disse Gerardo Blyde, representante da missão dos opositores do presidente Nicolás Maduro.

“Em vista da ausência da delegação do regime hoje, a delegação da Plataforma Unitária (de oposição) reitera seu compromisso de avançar neste processo, sempre dentro da estrutura das regras previamente acordadas”, disse ele em comunicado.

Apesar da ausência de membros do regime Maduro, Blyde ratificou o “compromisso” da oposição de “continuar as negociações sobre a agenda pactuada”.

Ambas as delegações tinham o compromisso de continuar, a partir desta última sexta-feira, as negociações que começaram no México em 13 de agosto e que em 6 de setembro produziram seus primeiros resultados com um acordo sobre a soberania da região da Guiana Essequiba e “a proteção social do povo”.

A delegação da oposição chegou na noite de quinta-feira à Cidade do México, tendo na pauta de discussões “a promoção da nutrição infantil, transplantes e programas de vacinação” e “a construção do sistema de Justiça”, disse Blyde.

“A Venezuela é um país com um sistema de Justiça sequestrado, que persegue e prende dissidentes e promove a impunidade”, alegou.

Já o regime venezuelano não esclareceu as razões pelas quais não participou da reunião, nem anunciou se enviará ao México algum representante neste fim de semana.

O ambiente ficou tenso entre as partes nos últimos dias que antecederam a terceira rodada de negociações, após o regime venezuelano anunciar a nomeação do empresário colombiano Alex Saab como membro de sua delegação, apesar de estar preso em Cabo Verde e à espera de extradição para os Estados Unidos.

 

Entre para nosso canal do Telegram

Siga o Epoch Times no Gettr

Veja também:

 
Matérias Relacionadas