Próximos dias serão de temperatura mais baixa no sul e sudeste

Massa de ar frio passa rápido mas provoca significativa queda na temperatura
Estes jovens estão se predispondo à obesidade, ao diabetes e a distúrbios relacionados à gordura no sangue (Kevin C. Cox/Getty Images)
(Kevin C. Cox/Getty Images)

PELOTAS, Rio Grande do Sul –  Os gaúchos podem começar a tirar as blusas e casacos do armário, porque no sul dos pampas a temperatura já vem caindo, principalmente durante a noite. Um tempo típico da região: durante o dia, a temperatura até sobe um pouco mais, mas ao cair da noite, já se nota o ar mais frio desta época do ano.

É comum durante o mês de maio as massas de ar frio ganharem intensidade. Assim, o outono começa a ficar mais frio até a chegada do inverno do dia 21 de junho.

Nesta semana os modelos matemáticos de prognóstico de temperatura já apontam um acentuado aumento do frio, principalmente no Rio Grande do Sul, onde a temperatura pode ficar negativa nos locais de maior altitude. Por enquanto, as massas de ar frio passam rápido, a redução maior da temperatura será entre esta segunda (5) e a terça-feira (6). Mesmo com a perda de intensidade da massa de ar, as noites continuarão frias. A elevação da temperatura ocorrerá durante o dia devido ao aquecimento solar.

Temperatura cai em São Paulo, Rio de Janeiro e sul de Minas

No sudeste a queda da temperatura será bem menor, mas principalmente os paulistas notarão uma boa  redução da temperatura nesta semana.

A semana começa com tempo úmido e previsão de chuva em São Paulo, Rio de Janeiro e também para a parte mais ao sul do estado de Minas Gerais.  A chuva será rápida e logo vem o frio. As mínimas podem ficar em torno dos 10ºC em São Paulo e um pouco abaixo disso no sul de Minas.

Acompanhe abaixo a previsão de temperaturas para São Paulo e Rio de Janeiro nos primeiros três dias da semana.

Figura

Fernando Nunes Lopes é bacharel em meteorologia.

Epoch Times publica em 35 países em 21 idiomas.

Siga-nos no Facebook: https://www.facebook.com/EpochTimesPT

Siga-nos no Twitter: @EpochTimesPT

 
Matérias Relacionadas