Publicado em - Atualizado em 13/12/2013 às 6:34

Pirâmides de Gizé: uma das sete maravilhas do mundo antigo

Pirâmides de Gizé (Ricardo Liberato/Wikipédia/CC BY-SA 2.0)

Pirâmides de Gizé (Ricardo Liberato/Wikipédia/CC BY-SA 2.0)

As Pirâmides de Gizé são uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo e Património Mundial da UNESCO. Das Sete Maravilhas, as Pirâmides de Gizé é a única que permanece em pé até hoje e com razoável estado de conservação.

As Pirâmides de Gizé – compostas de Quéops, Quéfren e Miquerinos – estão na cidade de Gizé, próxima ao Cairo, capital do Egito. A maior das pirâmides é a Quéops, a Grande Pirâmide, que tem 147 metros de altura. É a maior construção maciça feita pelo homem, com cerca de dois milhões de blocos, que pesam em média 2,5 toneladas. A precisão da construção é incrível, com uma diferença de comprimento, entre seus lados de 230 metros, de só 4 centímetros. Quando Cleópatra teve um caso com Júlio César, estes gigantescos monumentos funerários já existiam há mais de 2.500 anos.

A Esfinge de Gizé com a Pirâmide de Quéfren ao fundo (Hamish2k/Wikipédia/CC BY-SA 3.0)

A Pirâmide de Quéfren ao fundo. A Esfinge, mais antiga que as pirâmides, tem 20 metros de altura; foi talhada a partir de pedra (Hamish2k/Wikipédia/CC BY-SA 3.0)

Fotografia aérea das pirâmides de Gizé. Nas imediações das pirâmides, a cidade do Cairo (Robster1983/Wikipédia/Public Domain)

Fotografia aérea das pirâmides de Gizé. Nas imediações das pirâmides, a cidade do Cairo (Robster1983/Public Domain)

Em altura, a diferença entre Quéops e Quéfren (a do meio) é de apenas 3 metros, no entanto, o cume da pirâmide de Quéfren está ainda preservado. A pirâmide de Quéfren parece ser a mais alta delas, mas isso é uma ilusão criada porque foi construída sobre solo mais alto.

Pirâmides de Quéops, Quéfren e Miquerinos. O cume da pirâmide de Quéfren está relativamente mais conservado que o da de Quéops.  (Styles66/Wikipédia/CC BY-SA 3.0)

Pirâmides de Quéops, Quéfren e Miquerinos. O cume da pirâmide de Quéfren está relativamente mais conservado que o da de Quéops. (Styles66/Wikipédia/CC BY-SA 3.0)

Ao visitar Gizé, não se esqueça de levar uma garrafa de água, usar boné e passar protetor solar. Um bom óculo de sol ajudará bastante, porque você passará boa parte do tempo olhando para o alto e num local de sol forte.

Todo conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada. Para reproduzir a matéria, é necessário apenas dar crédito ao Epoch Times em Português e para o repórter da matéria.
Leia a diferença. Epoch Times Todos os direitos reservados © 2000-2016