Nova Iorque impõe máscaras em creches para crianças a partir dos 2 anos de idade

Outros locais regulados pelo estado receberam pedidos semelhantes

Por Mimi Nguyen Ly

A governadora de Nova Iorque, Kathy Hochul, anunciou na quarta-feira que as creches regulamentadas pelo estado devem exigir o uso de máscaras para crianças a partir dos dois anos de idade, bem como para funcionários e todos os visitantes.

Uma medida semelhante foi anunciada em maio deste ano pelo então governador Andrew Cuomo. A rejeição da ordem das máscaras, que também se aplicava a crianças de dois anos, foi tão massiva que o estado de Nova Iorque a anulou alguns dias depois.

O novo pedido de máscaras para creches em todo o estado de Nova Iorque entra em vigor imediatamente, disse Hochul.

“A partir de hoje, vamos exigir máscaras em creches, porque se você está assistindo ao noticiário nacional, os anúncios mais alarmantes que saem todas as manhãs são o número de crianças que agora contraem o COVID”, disse a governadora.

“Não temos vacina disponível para crianças de cinco a 11 anos. Estou muito ansiosa para que seja aprovado e assim que for trabalharemos com pais, pediatras e escolas para garantir que as crianças sejam vacinadas, mas não ouviremos falar disso por alguns meses ”, acrescentou.

Ordens semelhantes de máscaras serão aplicadas em abrigos estaduais, centros de saúde mental e centros de abuso de substâncias, disse ela a seguir.

Semanas atrás, Hochul anunciou logo depois de ter prestado juramento e assumido o cargo em 24 de agosto, que ordens universais de máscaras seriam emitidas para as escolas e que ela também estava tentando impor controles para garantir que todas as crianças da escola fossem vacinadas ou submetidas a o teste COVID-19 semanal.

Na quarta-feira, a governadora pediu a todos os nova-iorquinos com idade superior a 12 anos que se vacinassem contra o vírus do PCC (Partido Comunista Chinês) , que causa o COVID-19.

Anteriormente, ela alocou $ 65 milhões em fundos estaduais aos governos locais para distribuir e administrar as vacinas de reforço COVID-19, quando disponíveis.

Hochul disse na quarta-feira que as agências de saúde locais identificaram mais de 200 locais de vacinação para administrar as vacinas de reforço e que haverá mais.

“Só quero que passe a mensagem de que você deve estar ciente de quando será a última vacinação. Oito meses depois, comece a pensar em ir ao médico, ao farmacêutico, ou aproveitar um de nossos (…) postos de vacinação em massa. Faremos com que todas as informações estejam disponíveis ”, disse a governadora, antecipando a vacina de reforço.

 
Matérias Relacionadas