Mineradora chinesa terá controle total da australiana Yancoal

A companhia mineradora chinesa Yanzhou agora será capaz de controlar totalmente a empresa mineradora de carvão australiana Yancoal, após o secretário do Tesouro, Joe Hockey, remover as restrições de propriedade estrangeira que impediam o negócio.

A Yancoal, com um valor de mercado de US$ 666 milhões, tem dez minas em vários estados australianos, e a Yanzhou detém uma participação de 78%. Hockey diz que o governo não se oporá à empresa chinesa obter propriedade plena.

“Em compromissos feitos a mim, a Yanzhou se comprometeu a continuar a apoiar as operações em curso da Yancoal na Austrália, mantendo assim sua posição como um grande empregador regional”, disse Hocke num comunicado, segundo a ABC.

“Enquanto a Yanzhou continuar a possuir pelo menos 51% das ações da Yancoal, a Yanzhou garante que a Yancoal continuará a operar para mantê-la solvente. Além disso, a Yanzhou ampliará seus empréstimos existentes à Yancoal se necessário, e apoiará os planos da Yancoal de expandir a mineração a céu aberto em Moolarben.”

Duas semanas atrás, o tesoureiro Hockey recusou a oferta de US$ 3,4 bilhões da empresa americana Archer Daniels Midland para adquirir a GrainCorp, dizendo que isso contrariava o interesse nacional. A Yancoal deve fazer uma declaração até o final da semana.

 
Matérias Relacionadas