Mineiros descobrem novo mineral “extraterrestre” mais precioso do que diamante em Israel

Por Michael Wing

Um novo mineral, anteriormente conhecido apenas por existir no espaço, foi oficialmente reconhecido na Terra e é uma joia rara.

A mineradora israelense, Shefa Yamim, descobriu o novo material no vale de Zevulun, no norte de Israel. Dizia-se que se assemelha a safira ou rubi em sua composição.

O CEO da empresa, Abraham Taub, chamou a nova pedra de “carmeltazita” em mensão à montanha onde foi encontrada, o Monte Carmelo, e aos três metais que ela contém: titânio, alumínio e zircônio.

O Carmeltazita também se assemelhava a outro mineral mais raro de origem extraterrestre, allendeite, que só foi visto no Meteorito de Allende que atingiu a Terra em 8 de fevereiro de 1969. Isso fez da descoberta um evento geológico significativo.

Existe uma lista oficial de novos minerais descobertos e documentados, com até 100 novas substâncias adicionadas a cada ano. Eles são reconhecidos e registrados pela Associação Mineralógica Internacional. A maioria dessas novas substâncias é menos que digna de nota em termos de apresentação, oferta e valor de mercado.

Happy 71st Birthday ISRAEL!

Shefa Yamim ATM စာစုတင်ရာတွင် အသုံးပြုမှု ၂၀၁၉၊ မေ ၉၊ ကြာသပတေးနေ့

Be part of the fascinating journey after the treasures hidden in the Land of Israel – https://www.shefayamim.com/welcome-page-form

Shefa Yamim ATM စာစုတင်ရာတွင် အသုံးပြုမှု ၂၀၁၈၊ အောက်တိုဘာ ၁၀၊ ဗုဒ္ဓဟူးနေ့

O Carmeltazita possui um potencial comercial espetacular, semelhante a outras pedras preciosas, como as safiras usadas na indústria de jóias. O material também é dito ter uma densidade maior do que o diamante, além de ser muito mais raro.

Shefa Yamim já registrou o mineral para ser comercializado como “Carmel Sapphire”, e é provável que seja uma das jóias mais caras do mundo em pouco tempo.

Acredita-se que as pedras raras começaram sua formação cerca de 28 quilômetros abaixo da superfície da Terra, relatou a Forbes, perto de onde a crosta encontra o manto. Lá, altas pressões e altas temperaturas criaram rochas parcialmente fundidas, que liberaram fluidos, que reagiram para formar novos minerais, como o carmeltazita.

Our permits cover areas including the Kishon River, the volcanic bodies on Mount Carmel, the Zevulun and Yizre'el…

Shefa Yamim ATM စာစုတင်ရာတွင် အသုံးပြုမှု ၂၀၁၈၊ နိုဝင်ဘာ ၁၂၊ တနင်္လာနေ့

Tais materiais poderiam ser rapidamente expelidos para a superfície através de aberturas vulcânicas, juntamente com outros minerais, para criar depósitos de pedras preciosas, como o que está sendo escavado por Shefa Yamim no Vale de Zevulun.

A nova gema preciosa foi encontrada nas cores preta a azul esverdeada ou laranja-amarronzada, com um brilho metálico dentro de rachaduras e fissuras de outro mineral chamado corindo – semelhante à safira. A maior pedra encontrada até agora foi de 33,3 quilates.

What do you think of our #sapphires? Let us know by liking or sharing our post. Make sure you also visit our website…

Shefa Yamim ATM စာစုတင်ရာတွင် အသုံးပြုမှု ၂၀၁၈၊ အောက်တိုဘာ ၇၊ တနင်္ဂနွေနေ့

#haveyouheard of the Carmel Sapphire? It is a #unique #sapphire discovered by us during exploration activity in the RMC…

Shefa Yamim ATM စာစုတင်ရာတွင် အသုံးပြုမှု ၂၀၁၈၊ အောက်တိုဘာ ၂၀၊ စနေနေ့

A mineradora estava fazendo um trabalho intensivo na área, principalmente em busca de safiras, quando se deparou com a incrível nova gema. O Vale de Zevulun era conhecido por sua atividade vulcânica desde a época do cretáceo, há cerca de 65 milhões de anos, e abriga pelo menos 14 diferentes aberturas vulcânicas, tornando-se um foco de gemas escondidas.

A nova joia espetacular atraiu uma atenção internacional significativa, tanto por sua raridade quanto por sua novidade. A pedra, uma vez pensada para ser de origem extraterrestre, logo poderia valer muito mais do que os diamantes.

 
Matérias Relacionadas