E-mail mostra que Dilma e Lula poderiam ter interrompido Petrolão

Reportagem bomba da Veja deste fim de semana divulga informações apuradas pela PF de que Dilma e Paulo Costa teriam trocado emails para “parar” o propinoduto da Petrobras e agindo debaixo dos panos para tentar impedir que as investigações do Petrolão tenham êxito.

Leia também:
Surge novo delator do Petrolão, o ex-gerente da Petrobras Pedro Barusco
Rio pode parar se empresas envolvidas no esquema Petrolão forem bloqueadas
Petrolão: leia a decisão histórica aplicada pelo juiz Sérgio Moro

“O doleiro Alberto Youssef disse à Justiça que Lula e Dilma sabiam do esquema de corrupção na Petrobras. Agora, mensagens encontradas pela PF em computadores do Planalto mostram que eles poderiam ter interrompido o propinoduto, mas, por ação ou omissão, impediram a investigação sobre os desvios” – diz a matéria.

Augusto Nunes e Joice Hansselmman comentaram a matéria. (Assista o vídeo)

 
Matérias Relacionadas