Liga de Salvini segue crescendo e já tem 37% de intenções de voto na Itália

Instituto de pesquisa ressalta que a Liga conta com um alto nível de fidelidade de voto, uma vez que 87% dos italianos que apoiaram o partido confirmaram que repetirão sua escolha

Por Agência EFE

O partido direitista italiano Liga, liderado pelo atual ministro do Interior, Matteo Salvini, segue aumentando seus apoios no país e já aparece com 37% de intenções de voto para as próximas eleições.

Essa cifra foi registrada em pesquisa realizada pelo instituto Ipsos para o jornal “Corriere della Sera” e evidencia como a legenda de Salvini cresce em detrimento de seu parceiro de governo, o antissistema Movimento Cinco Estrelas (M5S), que obteve 32,6% dos votos nas eleições gerais do ano passado e agora só é respaldado por 22,3% dos eleitores.

A pesquisa foi realizada antes da divulgação nesta semana da notícia de que o subsecretário de Transportes e fiel conselheiro do líder da Liga, Armando Siri, está sendo investigado por um caso de corrupção, o que provocou uma troca de acusações no Executivo e levou o M5S a pedir sua renúncia, segundo lembrou o jornal.

O instituto Ipsos ressalta ainda que a Liga conta com um alto nível de fidelidade de voto, uma vez que 87% dos italianos que apoiaram o partido confirmaram que repetirão sua escolha, e também com uma grande capacidade para atrair novos eleitores, especialmente do M5S e do conservador Forza Itália, do ex-primeiro-ministro Silvio Berlusconi.

Segundo a pesquisa, 52% dos eleitores do M5S apoiará novamente o partido, mas 25% tem dúvidas e 18% prefere agora a Liga.

A fuga de eleitores do Forza Itália é ainda maior e 33% de seus simpatizantes acredita que elegerá Salvini nos próximos pleitos.

Já o Partido Democrata (PD, centro-esquerda) seria a terceira força, com 18,7% dos votos, enquanto o Forza Itália obteria 8,7% e o conservador Irmãos da Itália, 4,6%.

 
Matérias Relacionadas