Líder do braço da al-Qaeda na Síria é morto, segundo jornal Sírio

De acordo com a agência de notícias do governo da Síria, o exército matou o comandante militar da Frente al-Nusra, o braço da al-Qaeda no país.

Abu Hommam al-Shami teria sido morto durante uma operação coordenada pelo exército sírio para atingir uma reunião do grupo jihadista, no vilarejo de Habeet, no norte da província de Idlib. O governo sírio não entrou em detalhes sobre a operação, mas tudo indica que foi um ataque aéreo.

Na Inglaterra, a ONG Observatório Sírio para os Direitos Humanos confirmou que uma reunião de líderes da al-Nusra foi atacada, em Idlib. Líderes proeminentes da organização foram mortos, incluindo Abu Hommam. No entanto, o órgão não deixou claro se o ataque foi comandado pelos Estados Unidos ou pelo exército da Síria.

 
Matérias Relacionadas