Iranianos dançam em apoio a adolescente presa por dançar nas redes sociais (Vídeo)

Ela é acusada de violar os códigos islâmicos de conduta que requerem modéstia no vestuário e no comportamento

Por Epoch Times

O regime do Irã prendeu uma adolescente que publicou um vídeo no Instagram no qual aparece dançando, e que atraiu milhares de visualizações, obtendo dezenas de milhares de seguidores em várias. Hojabri tinha compartilhado um vídeo no Instagram no qual dançava em seu quarto.

Em resposta à sua prisão, e usando a hashtag #Dancingisnotacrime, os iranianos publicaram no domingo (8) vídeos de si mesmos dançando, para criticar a prisão da ginasta Vanessa Hojabri, de 18 anos de idade.

Um dos vídeos mostra um homem dançando em Teerã. Outro vídeo mostra o refugiado iraniano Solmaz Eikder, jornalista e ativista de 36 anos que foi preso duas vezes e fugiu para Istambul, na Turquia.

Antes que as autoridades iranianas bloqueassem sua conta, Hojabri havia publicado cerca de 300 vídeos em sua conta no Instagram, nos quais aparece sem o lenço islâmico obrigatório.

De acordo com a lei islâmica da Sharia, as mulheres devem usar lenços na cabeça e roupas modestas, e são proibidas de dançar em público.

Assista ao vídeo que mostra os iranianos dançando em apoio a Vanessa Hojabri:

As possíveis acusações contra Hojabri não foram especificadas, mas é provável que ela seja acusada de violar os códigos islâmicos de conduta que requerem modéstia no vestuário e no comportamento.

O acesso a muitos sites de mídia social, incluindo Facebook, Twitter, YouTube e o aplicativo de mensagens Telegram estão bloqueados no Irã. Autoridades iranianas disseram na semana passada que o judiciário estava considerando bloquear também o acesso ao Instagram.

Mas muitos iranianos driblam o bloqueio através do uso de software VPN, que fornece links criptografados diretamente para redes privadas no exterior, e pode permitir que um computador se comporte como se estivesse em outro país.

Em outras partes do mundo, pessoas também começaram a publicar vídeos em que elas dançam para se solidarizar com Hojabri.

 
Matérias Relacionadas