Imigrante mexicano morre após cair do muro da fronteira no Texas

Por Agência EFE

Um imigrante mexicano de 24 anos perdeu a vida nesta sexta-feira ao cair do muro que divide o México dos Estados Unidos, na parte do Texas, segundo autoridades dos dois países.

O acidente ocorreu na fronteira de Ciudad Juárez, que faz fronteira com a cidade de El Paso, no Texas, quando o homem, cujo nome não foi especificado, tentou cruzar para o lado dos Estados Unidos e caiu do topo da estrutura de ferro, a cerca de 10 metros de altura.

As autoridades mexicanas indicaram que o homem escalou a cerca de metal do lado mexicano com certa facilidade, tentou se acomodar para a descida, já do lado da União Americana, mas por estar no topo escorregou.

Após a queda severa, agentes da Patrulha de Fronteira dos EUA chegaram ao local.

Posteriormente, colocaram uma fita vermelha, para que o corpo fosse levantado e os especialistas forenses determinassem a causa da morte.

Dado o recente aumento da onda migratória, na fronteira EUA-México. Também aumentaram os casos em que migrantes perdem a vida em busca do sonho americano.

Em 3 de junho, as autoridades dos EUA relataram que um homem morreu de problemas de saúde devido às altas temperaturas na área do Texas.

Em nota, explicaram que receberam a denúncia sobre o desaparecimento de um migrante que passou ilegalmente para os Estados Unidos.

Eles detalharam que o homem desmaiou perto de uma escola na cidade de El Paso, mas o grupo com o qual ele viajava não parou e o deixou no chão. Mais tarde, os agentes o localizaram morto.

“O calor do verão na região da fronteira oeste do Texas / Novo México é implacável e muito perigoso para as pessoas que tentam entrar ilegalmente nos Estados Unidos”, disseram as autoridades.

Sobre este tipo de morte, Alberto Cabezas, porta-voz da Organização Internacional para as Migrações (OIM), disse que “os migrantes colocam em risco a vida ao percorrerem percursos difíceis, isolados ou inóspitos”.

Ele disse que as expectativas dos imigrantes de cruzar “são irrealistas” e as pessoas que prometem cruzá-los dão informações confusas e não acham que a fronteira está fechada.

Em relação à fronteira México-Estados Unidos, em 2020 ocorreram 186 mortes ao tentarem atravessar e até agora em 2021, 125 desses casos.

Entre para nosso canal do Telegram.

Veja também:

 

 
Matérias Relacionadas