Hacker controla rádio da Coreia do Norte e toca música “The Final Countdown”

Um hacker assumiu o controle da estação estatal de ondas curtas da Coreia do Norte e tocou a música "The Final Countdown" da banda de rock sueca "Europe".

Um hacker assumiu o controle da estação estatal de ondas curtas da Coreia do Norte e tocou a música "The Final Countdown" da banda de rock sueca "Europe".

Um hacker desconhecido teria invadido e assumido o controle da estação de rádio de ondas curtas norte-coreana 6400kHz, e transmitiu um sucesso de 1986 da banda de rock sueca Europe dos anos 80, “The Final Countdown” (ou contagem regressiva final).

A notícia do incidente foi postada no Twitter pelo hacker vigilante, “The Jester“, que no passado ganhou fama ao hackear sites de jihadistas e que, em outubro de 2016, desfigurou o site do Ministério das Relações Exteriores da Rússia com a mensagem “Pare de atacar os americanos”.

“Um deus entre nós sequestrou a (estação norte-coreana) 6400kHz e está tocando The Final Countdown“, escreveu The Jester no Twitter em 9 de novembro, e postou um link para uma gravação da transmissão.

A estação 6400kHz é baseada em Kanggye, perto da fronteira norte-coreana com a China, e é usada pela estação de rádio norte-coreana Pyongyang Broadcasting Station (Pyongyang BS), que também transmite nas frequências 621, 1053 e 3250.

O regime comunista norte-coreano utilizou no passado a estação de rádio 6400kHz para transmitir mensagens codificadas. O Strategic Sentinel, uma empresa de consultoria geoestratégica não partidária em Washington, D.C., observou que a Coreia do Norte regularmente transmite mensagens na estação antes de suas provocações a outras nações.

Em 23 de setembro, o Strategic Sentinel afirmou no Twitter, “A Rádio Pyongyang transmitiu mensagens codificadas na [estação e frequência] 6400kHz. Normalmente, quando eles fazem isso, isso indica uma provocação a caminho.”

“A especulação mais provável para essas mensagens é um próximo teste de mísseis logo após as declarações da #DPRK FM #UNGA”, afirmou a empresa em setembro, logo após a Coreia do Norte anunciar que considerava um teste de bomba de hidrogênio no Oceano Pacífico.

A empresa também observou que, anteriormente, a Coreia do Norte fez transmissões dois dias antes de realizar um teste nuclear, um dia antes de um teste de mísseis balísticos e um dia antes de um voo provocativo no espaço aéreo japonês.

Depois que a estação norte-coreana foi sequestrada para tocar a música de rock dos anos 80, muitos reagiram no Twitter com aplausos e risos enquanto faziam piada do regime totalitário.

Embora o regime norte-coreano continue a fazer ameaças contra os Estados Unidos e outros países, incluindo a Coreia do Sul, Japão e Austrália, o isolado país também está sentindo os efeitos das sanções das Nações Unidas (ONU).

O regime norte-coreano já ordenou que seus militares adquiram seus próprios suprimentos alimentares, e seu pessoal militar é obrigado a coletar as próprias provisões.

No passado, o Partido Comunista Chinês era o principal apoiador da Coreia do Norte, mas nos últimos meses, o regime chinês indicou que está encerrando essa política. Agora, o regime chinês está trabalhando com a ONU e os Estados Unidos para pressionar a Coreia do Norte.

O presidente Donald Trump reuniu-se com o líder chinês Xi Jinping na China no dia 9 de novembro e os dois líderes reafirmaram sua posição contra as tentativas da Coreia do Norte de obter armas nucleares. Trump disse: “Todas as nações devem se unir para garantir que esse regime malicioso não possa ameaçar o mundo com suas armas nucleares.”

Xi Jinping comentou: “Sobre a questão nuclear da Península Coreana, reiteramos o firme compromisso de alcançar a desnuclearização da Península e apoiar o regime internacional de não proliferação.”

Tags: , ,