Guerra dos mosaicos: nova estratégia militar da DARPA

Por Epoch Times

Nos laboratórios secretos do Pentágono, as melhores mentes brilhantes das forças armadas estão trabalhando em um novo sistema de combate.

Sua nova visão da guerra não consiste em fabricar equipamentos maiores, mais rápidos ou até mais avançados. Em vez disso, trata-se de obter inúmeros sistemas de tecnologia menores, mais baratos e talvez com menos tecnologia e implantá-los de uma maneira radicalmente nova.

O termo oficial é guerra de mosaico, mas alguns estrategistas o comparam com Lego.

“Como os blocos de Lego que se encaixam quase universalmente, as forças do Mosaico podem ser integradas para que sejam criados pacotes [ou estruturas] que possam efetivamente atingir o sistema de um adversário com sobreposição suficiente para ter sucesso”, diz um estudo. do Instituto Mitchell (pdf), publicado em setembro.

A guerra dos mosaicos é a solução da Agência de Projetos Avançados de Pesquisa em Defesa (DARPA) para a crescente capacidade militar da China.

Os generais chineses aperfeiçoaram suas forças militares para paralisar o cérebro e o sistema nervoso das forças armadas dos EUA, uma estratégia conhecida como Guerra da Destruição de Sistemas. Eles também investiram pesadamente em sistemas de mísseis de longo alcance e sistemas antiaéreos que ameaçam porta-aviões e caças americanos.

Em simuladores de guerra realizados por analistas americanos, a China geralmente derrota os Estados Unidos em alguns cenários de guerra no Pacífico.

Com seus porta-aviões, caças e sistemas de comando que não podem mais garantir o domínio, as forças armadas dos EUA estão sendo no geral renovadas.

Os sistemas de armas mais poderosos dos Estados Unidos têm múltiplas capacidades. O F-35, por exemplo, possui lança-mísseis, sensor de radar, sistema de reconhecimento furtivo, sistema de busca objetivo e muito mais.

Com a guerra mosaica, em vez de ter um número limitado dos mais recentes dispositivos de alta tecnologia, os comandantes militares teriam o equivalente estratégico de inúmeros blocos de construção. Alguns não seriam tripulados.

 
Matérias Relacionadas