Físico holandês usa o raio-x para criar arte

O físico de radiação holandês, Arie van’t Riet, apresentou um novo uso do tradicional raio-x. Ele acidentalmente se tornou artista ao utilizar a radiação para estudar a natureza.O processo se iniciou quando um amigo pediu a ele que retirasse um raio-x de sua pintura. Ambos ficaram surpresos com o resultado. A partir daí o físico começou a contemplar outras aplicações criativas para sua técnica, decidindo voltar sua atenção para a natureza.

Flora e fauna sempre fascinaram Riet. Com a nova aplicação do raio-x sua ligação com o meio ambiente tornou-se ainda maior, pois até mesmo os espécimes mais comuns podem virar seres de outro mundo. Para a formação das imagens, o físico e artista adiciona digitalmente cores e luz, dando aparência de delicadas fotos pintadas sobre papel de seda.

Imagens de raio-x tratadas digitalmente para virar arte (Divulgação)

Imagens de raio-x tratadas digitalmente para virar arte (Divulgação)

Imagens de raio-x tratadas digitalmente para virar arte (Divulgação)

Imagens de raio-x tratadas digitalmente para virar arte (Divulgação)

Imagens de raio-x tratadas digitalmente para virar arte (Divulgação)

Imagens de raio-x tratadas digitalmente para virar arte (Divulgação)

 
Matérias Relacionadas