Estados Unidos interceptam aeronave com destino à Venezuela carregada com armas de fogo

Por Brehnno Galgane – Terça Livre

Funcionários da alfândega dos Estados Unidos interceptaram no último final de semana, no sul da Florida, um jato particular com destino à Venezuela.

O jato transportava 82 armas de fogo, incluindo um rifle sniper, além de 63.000 cartuchos de munição, segundo informaram as autoridades norte-americanas na terça-feira (18).

Dois pilotos venezuelanos, Luis Alberto Patiño e Gregori Méndez, foram presos e acusados ​​de contrabando de dinheiro e produtos dos Estados Unidos, além de porte ilegal de armas por estrangeiro.

A aeronave e a carga foram apreendidas.

Segundo as autoridades norte-americanas, o diário de bordo da aeronave Learjet, com registro venezuelano, indicava que seu destino era a ilha caribenha de São Vicente e Granadinas.

Mas segundo Jared Rine, agente especial de Investigações de Segurança Nacional, um dos venezuelanos presos afirmou que o destino final da aeronave era a Venezuela.

Com informações, Crítica Nacional

Apoie nosso jornalismo independente doando um “café” para a equipe.

Veja também:

 
Matérias Relacionadas