Espera-se que mais de um milhão de imigrantes ilegais cruzem a fronteira em 2021, diz Oficial

Por Jack Phillips

Um oficial da Patrulha de Fronteira estimou que mais de 1 milhão de imigrantes ilegais devem chegar à fronteira EUA-México em 2021, enquanto a Casa Branca luta para encontrar instalações e processá-los.

“Já estamos começando a ver que em alguns dias ultrapassam mais de 6.000 prisões ” , disse  Raúl Ortiz, subchefe da Patrulha de Fronteira dos Estados Unidos , a repórteres, acrescentando: este ano se apresenta mais de um milhão de pessoas ”.

A Patrulha de Fronteira deteve cerca de 100.000 imigrantes ilegais em fevereiro, o maior número desde fevereiro de 2019, disse Ortiz. Ele observou ainda que as pessoas tentam entrar nos Estados Unidos ilegalmente entre abril e junho.

Uma instalação em Donna, Texas, tem capacidade para cerca de 4.100 pessoas, muitas das quais são crianças desacompanhadas, informou a Reuters. Oscar Escamilla, oficial da Patrulha de Fronteira, disse à Reuters que cerca de 2.000 crianças desacompanhadas foram mantidas lá por mais de 72 horas, que é o limite legal.

“Isso está fora de minhas mãos”, disse ele. “Por alguma razão, eles entraram pelo sistema ou pelas rachaduras.”

O secretário do Departamento de Segurança Interna (DHS, na sigla em inglês), Alejandro Mayorkas, emitiu um comunicado na quarta-feira criticando as tentativas de contrabando de pessoas para os Estados Unidos.

“A forma desumana como os traficantes abusam das crianças enquanto lucram com o desespero dos pais é criminal e moralmente repreensível”, disse Mayorkas. “Ainda este mês, uma menina se afogou, um menino de seis meses foi jogado no rio e duas meninas foram jogadas de uma parede e deixadas no deserto.”

“Não há dúvida de que as crianças são excepcionalmente vulneráveis ​​quando colocadas nas mãos de traficantes. Existe um sério risco de serem explorados e prejudicados. Eu aplaudo nossos heróicos agentes da Patrulha de Fronteira que salvaram vidas esta semana e todas as semanas, enquanto colocavam suas próprias vidas em risco pelo bem do país. ”

Isso aconteceu depois que um vídeo postado por um oficial da Patrulha de Fronteira no Novo México mostrou contrabandistas humanos largando duas garotas de uma cerca de 14 pés de altura antes de abandoná-las.

Os contrabandistas foram vistos por câmeras de visão noturna deixando as meninas, de 3 e 5 anos, no meio do deserto do Novo México, “a quilômetros da residência mais próxima”, disse a chefe do setor da patrulha de fronteira, Gloria, Chávez.

De acordo com um comunicado à imprensa da Patrulha de Fronteira, as duas meninas eram irmãs e do Equador. Quando os policiais os encontraram, eles prestaram assistência, disseram as autoridades, antes de serem levados a um hospital próximo para uma avaliação mais detalhada e depois “liberadas por um médico”. Mais tarde, as meninas foram enviadas para um centro de detenção temporário.

Entre para nosso grupo do Telegram.

Veja também:

 
Matérias Relacionadas