Doutorandos desenvolvem métodos curiosos para vencer apego ao Facebook

Robert R. Morris e Dan McDuff, dois doutorandos do MIT., passavam 50 horas ou mais por semana no Facebook coletivamente e, por isso, bolaram dois métodos bem-humorados de combater o vício no Facebook: primeiro, eles postaram anúncios de emprego para contratar estranhos que os ligariam por US$ 1.40 e os repreenderiam por perder tempo online. Em segundo lugar, eles desenvolveram um teclado que daria rápidos choques elétricos se permanecessem no Facebook por muito tempo.

O famoso fisiologista russo Ivan Petrovich Pavlov estudou métodos de condicionamento usando cães como cobaia. Ele soaria um sino na hora da alimentação e, finalmente, apenas o sino, sem a comida, seria suficiente para fazer os cães salivarem.

Morris e McDuff nomearam suas técnicas de ‘Pavlov Poke’ – métodos contra-condicionantes que visam criar uma associação negativa com a navegação no Facebook. “O choque é desagradável, mas não é perigoso”, disse McDuff.

“Claro, isso é feito para ser de certa forma uma piada”, disse Morris. “Nós apenas queremos ilustrar de forma divertida a extensão com que nos empenhamos pessoalmente para reduzir nosso hábito online.”

Uma postagem no Wikihow.com sugere vários métodos – menos bem-humorado, mas também eficazes – de vencer o vício no Facebook.

Um ponto fundamental, de acordo com Wikihow, é examinar o que o Facebook faz por você e, em seguida, descobrir como obter esses benefícios em outros lugares.

Por exemplo, algumas pessoas usam o Facebook para ver o que está ocorrendo na vida dos amigos. Wikihow sugere estabelecer uma meta de telefonar ou escrever e-mail para seus cinco melhores amigos que moram longe uma vez por semana ou uma vez por mês.

Algumas pessoas querem interação social. Wikihow sugere ir almoçar com um colega de trabalho. Algumas pessoas gostam de compartilhar fotos. Wikihow sugere juntar-se ao Instagram ou a outro site de compartilhamento de fotos, onde é possível compartilhar imagens com amigos e familiares.

 
Matérias Relacionadas