Candidato conservador ganha eleições presidenciais na Guatemala

Novo presidente prometeu combater a corrupção e a impunidade assim que assumir o cargo

Por Agência Sputnik Brasil

Alejandro Giammattei, do Partido Vamos, venceu o segundo turno das eleições presidenciais que disputou com a ex-primeira-dama Sandra Torres, declarou neste domingo (11) o Supremo Tribunal Eleitoral do país.

Anteriormente, o Supremo Tribunal Eleitoral (STE) do país informou que Alejandro Giammattei liderava depois que mais de 58% dos votos foram contados.

Giammattei recebeu 58,54% dos votos. Sua concorrente, Sandra Torres, ex-esposa do ex-presidente Álvaro Colom, que governou o país entre 2008 e 2012, do social-democrata Unidade Nacional da Esperança, ficou com 41,46% das preferências.

No primeiro turno, realizado no dia 16 de junho, a situação foi oposta. Torres liderou o pleito com cerca de 26%. Giammattei ficou em segundo lugar com 14%.

Entre 2006 a 2008, Giammattei atuou como diretor do sistema penitenciário do país.

O novo presidente prometeu combater a corrupção e a impunidade assim que assumir o cargo.

“Desde o primeiro dia vou lutar contra a corrupção, a violência e o desemprego, que até hoje são os três grandes males que afetam a Guatemala”, disse Giammattei, citado pela EFE.

Link para a matéria original: https://br.sputniknews.com/americas/2019081214375253-candidato-conservador-ganha-eleicoes-presidenciais-na-guatemala/

 
Matérias Relacionadas