Cachorra desaparecida por 6 dias na época do Natal, é resgatada pela comunidade que se uniu para ajudar

Juno está acostumada a rastrear pessoas desaparecidas, mas desapareceu inesperadamente sem deixar vestígios

Por Yeny Sora Robles 

Uma cachorra de resgate desapareceu inesperadamente enquanto passeava com seus donos. Com o passar dos dias, a comunidade se juntou à busca desesperada que terminou com um final feliz.

Ian Danks, de Fritton Wood, na Inglaterra, estava passeando com sua família em uma floresta no dia 21 de dezembro, quando sua cachorra foi explorar uma área coberta de juncos perto do rio Waveney, segundo a BBC.

A cadela, chamada Juno, está acostumada a rastrear pessoas desaparecidas com seu dono para as equipes de busca e resgate da planície de Norfolk (NORLSAR).

No entanto, ela desapareceu inesperadamente sem deixar vestígios.

Juno (Crédito: Norfolk Lowland Search and Rescue)
Juno (Crédito: Norfolk Lowland Search and Rescue)

“Ela ficou lá por cerca de 30 segundos; Juno é incrivelmente obediente, então eu chamei ela”, relatou Danks ao canal. “Ela não respondeu e não saiu. Eu vi os juncos rangendo como se houvesse um animal ali, e então o som parou e comecei a ficar preocupado.”

A família vasculhou a floresta por mais de 4 horas e então Danks voltou sozinho à noite, sem sucesso.

Ao relatar seu desaparecimento, mais de 65 pessoas da comunidade tomaram a iniciativa de participar da busca, além de 20 integrantes de equipes de resgate com drones, sensores de imagem térmica e botes; juntos, eles uniram forças para resgatar a cachorra perdida.

Após 6 dias de extensa busca na área, Juno foi finalmente descoberta pelo operador de drones Paul Wesley, da Suffolk Search and Rescue, que a avistou nas margens do rio Waveney, na manhã de segunda-feira, perto do local onde havia desaparecido.

“Lá estava, eu parei [o drone] e dei zoom”, declarou Wesley. “Ela estava [sentada] e olhou para o drone, então eu sabia que ela estava viva”.

Uma equipe de resgate então se dirigiu ao local de barco, pois a área era inacessível a pé.

Em um momento de emoção, o dono de Juno a recebeu de braços abertos, após passar vários dias se preocupando com sua segurança.

“Estou muito emocionado”, afirmou Danks à BBC. “Não parece ruim, não é? Temos muito peru sobrando, então você pode comê-lo depois de visitar o veterinário”.

Ian Danks com Juno, após o resgate (Crédito: Norfolk Lowland Search and Rescue)
Ian Danks com Juno, após o resgate (Crédito: Norfolk Lowland Search and Rescue)

Emocionado e grato, Danks observou que ele continua afirmando às pessoas: “eu não posso acreditar no que fizeram por mim, minha família e minha cachorra”.

Após a revisão, a Norfolk Lowland Search and Rescue compartilhou uma postagem em sua conta do Facebook relatando que Juno estava indo bem e agradeceu a todos que tornaram seu resgate possível: “temos o prazer de anunciar que ela está de bom humor e agora foi revisada. Suas patas estão um pouco doloridas, mas agora ela está de volta em casa”.

Juno em casa, após o resgate (Crédito: Norfolk Lowland Search and Rescue)
Juno em casa, após o resgate (Crédito: Norfolk Lowland Search and Rescue)

“Gostaríamos de agradecer a todos que compartilharam a publicação, mais de 7.500 compartilhamentos, atingindo mais de 500.000 pessoas”, relatava o post. “E a todos que ajudaram! Obrigado!”.

(Crédito: Ian Dank)
(Crédito: Ian Dank)

Entre para nosso canal do Telegram

Assista também:

 
Matérias Relacionadas