Bolsonaro visita Santa Catarina e sobrevoa área afetada por ciclone

Presidente prestou solidariedade às vítimas e colocou o governo federal à disposição para ajudar na reconstrução

Por Diário do Poder

O presidente da República, Jair Bolsonaro, foi a Santa Catarina para ver de perto a situação deixada pelo ciclone-bomba que atingiu a região esta semana. O presidente chegou pouco depois das 8h da manhã e seguiu para um sobrevoo de helicóptero.

Usando máscara como forma de proteção do coronavírus, Bolsonaro foi recebido pela vice-governadora, Daniela Reinehr e pelos senadores Dário Berger (MDB), Jorginho Mello (PL) e Espiridião Amin (PP).

O ciclone passou por pelo menos 165 cidades do estado, provocando 10 mortes em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, e a comitiva sobrevoou as áreas mais atingidas durante cerca de 20 minutos para avaliar as ações a serem tomadas pelo governo federal em auxílio aos governos estaduais.

O governador, Carlos Moisés, não compareceu porque foi diagnosticado com covid-19, mas participou de uma reunião virtual com Bolsonaro e outras autoridades após o voo. O presidente prestou solidariedade às vítimas e colocou o governo federal e as Forças Armadas à disposição para ajudar na reconstrução. Bolsonaro embarcou de volta a Brasília por volta das 10h30.

 
Matérias Relacionadas