Anac reajusta em 8% tarifas de embarque para voos nacionais

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) reajustou as taxas de embarque cobradas nos aeroportos geridos pela Infraero. Para voos nacionais, a tarifa sobe 8%, passando de R$ 27,69 para R$ 29,90. Em voos internacionais, a alta é de 3,6%, subindo de R$ 109,13 para R$ 113,04. A portaria foi publicada nesta quarta-feira (18) no Diário Oficial da União.

O reajuste ocorre anualmente, geralmente em janeiro. As novas tarifas entram em vigor em 30 dias para todos os aproximadamente 60 aeroportos sob administração da Infraero, como Santos Dumont e Congonhas. A Anac pontua que as taxas variam em aeroportos menores, que, proporcionalmente, também adotarão os mesmos reajustes. Os aeroportos administrados por empresas privadas ainda anunciarão seus reajustes.

Em dezembro do ano passado, o Senado Federal havia anulado recente decisão da Anac de passar a cobrar tarifas extras pelas bagagens de passageiros. A medida gerara polêmica e também atraíra a reprovação de entidades como o Ministério Público Federal (MPF) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

 
Matérias Relacionadas