Agentes da patrulha de fronteira do Texas descobrem quarto de hotel lotado de imigrantes ilegais esperando para serem contrabandeados para os EUA

Por Katabella Roberts

Agentes da Patrulha de Fronteira do Texas descobriram na semana passada 16 imigrantes ilegais em um quarto de hotel que alegaram estar esperando para serem contrabandeados para os Estados Unidos.

A Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA (CBP) disse que os agentes da Patrulha de Fronteira do Setor do Vale do Rio Grande (RGV) receberam uma denúncia em 17 de setembro de que um hotel em Edimburgo estava sendo usado para abrigar imigrantes ilegais.

Os policiais responderam à cena aproximadamente às 13 horas. e encontraram duas pessoas entrando na sala carregando água e mantimentos. Depois de vigiar mais os dois indivíduos, o Gabinete do Xerife do Condado de Hidalgo conduziu uma verificação.

As autoridades encontraram mais de 10 pessoas na sala, 10 das quais eram de Honduras, cinco de El Salvador e uma do México.

Os imigrantes ilegais disseram aos oficiais que estavam esperando para serem transportados para os Estados Unidos por quase 30 dias.

Na manhã seguinte, os agentes da Estação de Patrulha da Fronteira McAllen, em Hidalgo, descobriram vários outros imigrantes ilegais usando um bueiro para entrar ilegalmente nos Estados Unidos.

Agentes de McAllen e policiais do Departamento de Polícia de Hidalgo prenderam três pessoas que saíram do bueiro, bem como outros três imigrantes uma hora depois, incluindo uma criança desacompanhada. Todos os imigrantes são cidadãos de Honduras e do México.

Mais tarde, naquele mesmo dia, várias outras pessoas foram observadas usando a mesma passagem para entrar nos Estados Unidos e, em duas horas, os policiais prenderam mais quatro pessoas, que também são cidadãos do México e de Honduras.

Todos os imigrantes ilegais que foram presos no quarto do hotel e usando o bueiro estão sendo processados em conformidade, disse o CBP.

Localizada ao norte da Cidade do México, Hidalgo fica a cerca de 32 quilômetros ao sul de Edimburgo e perto da fronteira dos Estados Unidos com o México.

A descoberta dos imigrantes ilegais ocorre quando mais de 10.000 imigrantes ilegais se acumulam em Del Rio, Texas, cerca de 96 quilômetros a noroeste de Piedras Negras e Eagle Pass, nos últimos dias. A maioria deles vem do Haiti e deixou os agentes da Patrulha de Fronteira sobrecarregados.

Mais de 6.500 foram removidos da área pelas autoridades de fronteira dos EUA. Outros atravessaram o Rio Grande até Acuna, onde decidirão o que fazer a seguir.

No fim de semana, as autoridades mexicanas também decidiram por um acordo que todos os ônibus estrangeiros que transportam migrantes serão revertidos se estiverem tentando se dirigir a Piedras Negras ou Acuna, disse o prefeito de Piedras Negras, Claudio Bres, em entrevista coletiva no domingo. Multas de US$ 500 a US$ 1.000 estão sendo impostas a qualquer pessoa que tente ajudar os migrantes.

Charlotte Cuthbertson e Zachary Stieber contribuíram para este artigo.

 

Entre para nosso canal do Telegram

Siga o Epoch Times no Gettr

Veja também:

 
Matérias Relacionadas