95% das doações do Vale do Silício foram para Joe Biden

Executivos em destaque da Alphabet, Amazon, Apple, Facebook, Microsoft e Oracle doaram 20 vezes mais para Biden desde o começo de 2019

Por Leonardo Trielli, Senso Incomum

Levantamento sobre dados de financiamento de campanha feito pelo portal americano WIRED aponta que 95% das doações feitas por funcionários das maiores empresas do Vale do Silício foram destinadas para a campanha de Joe Biden.

Os dados foram divulgados pela Comissão Eleitoral Federal, que exige que eleitores que contribuam com US$ 200 ou mais informem a doação aos seus empregadores. Com os números em mãos, a WIRED verificou que funcionários da Alphabet, Amazon, Apple, Facebook, Microsoft e Oracle doaram US$ 4,7 milhões para Biden e apenas US$ 239 mil para Trump.

Os números dão uma ideia do quão arraigado é o pensamento progressista nas Big Tech. E demonstram não serem infundadas as acusações, por parte de Trump e dos Republicanos, de que o Vale do Silício tem um viés anti-conservador.

Apoie nosso jornalismo independente doando um “café” para a equipe.

Veja também:

 
Matérias Relacionadas