10.000 cédulas não contadas são encontradas no condado do Texas

Essa foi a primeira eleição do Texas que ocorreu sob as novas leis de votação mais rígidas

Por Jack Phillips 

Autoridades no Texas disseram ter descoberto cerca de 10.000 cédulas não contadas nas eleições primárias da semana passada, o que levou a um atraso nos resultados.

O Condado de Harris disse que cerca de 6.000 votos democratas e 4.000 votos republicanos não foram contabilizados e serão adicionados à contagem final.

“Enquanto os votos foram escaneados em nosso computador de apuração, eles não foram transferidos e contados como parte dos resultados finais não oficiais como deveriam ter sido”, afirmou o Escritório Eleitoral do Condado de Harris no último fim de semana. Eles culparam um “descuido” pelo motivo dos votos não terem sido contabilizados no condado, que comporta Houston.

O escritório também disse ao canal de notícias local KHOU-TV que os funcionários “estão focados em garantir que cada votação seja contabilizada por meio desse processo de prospecção” e eles “continuarão sendo transparentes nesse processo por meio de nossas atualizações, mas como você pode imaginar é mais importante que todos em nossa equipe permaneçam focados e comprometam todo o seu tempo com a tarefa em mãos”.

“Estaremos discutindo no tribunal de comissários e essa será uma oportunidade de transmissão para ouvir de nosso escritório”, continuou o Escritório de Eleições do Condado de Harris.

A eleição primária de 1º de março foi a primeira eleição do Texas que ocorreu no estado sob leis de votação mais rígidas que foram aprovadas no ano passado. Milhares de cédulas por correio foram rejeitadas em todo o estado por não terem novas informações.

Após a descoberta das cédulas não contadas, os presidentes dos partidos republicano e democrata do condado de Harris disseram ao KHOU que acreditam que o problema será corrigido em breve.

“Todo eleitor, independentemente do partido, deve poder ter confiança de que seu voto foi devidamente contabilizado. Infelizmente, este é outro exemplo da grave má gestão da Administradora Eleitoral não qualificada da [Juiz do Condado de Harris] Lina Hidalgo. Isabel Longoria deve uma explicação a todos os eleitores do condado de Harris”, disse a presidente do GOP do condado de Harris, Cindy Siegel, de acordo com a agência de notícias.

Na segunda-feira, o Partido Republicano do Condado de Harris entrou com uma ação contra Longoria e seu escritório por cometer o “pior fiasco eleitoral da história do Texas” ao não contar as cédulas.

Enquanto isso, o presidente do Partido Democrata do Condado de Harris, Odus Evbagharu, divulgou um comunicado dizendo que seu partido também está preocupado com o problema da votação.

“Pedimos uma revisão pós-eleitoral de todos os processos – não houve qualquer desvio de responsabilidade partidária e fomos completamente transparentes em nosso desejo de investigar os detalhes do que deu errado e identificar como fazer correções no futuro”, Evbagharu comentou.

O Escritório Eleitoral do Condado de Harris não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

Entre para nosso canal do Telegram

Assista também:

 
Matérias Relacionadas