Publicado em 11/02/2016 às 22:46 - Atualizado em 11/02/2016 às 23:47

Você já sonhou com este homem? 2.000 pessoas no mundo já o viram em seus sonhos

Alguns dizem que ele se encaixa na teoria de Carl Jung, dos arquétipos e do inconsciente coletivo

Esboço da face que milhares de pessoas acreditam ter visto em seus sonhos (ThisMan.org)

Esboço da face que milhares de pessoas acreditam ter visto em seus sonhos (ThisMan.org)

A campanha mundial está em andamento para tentar entender por que o rosto deste homem aparece nos sonhos de milhares de pessoas em todo o mundo.

ThisMan.org explica como esse rosto foi reconhecido pela primeira vez, e como as pessoas começaram a perceber que estavam todas vendo a mesma figura em seus sonhos:

“Em janeiro de 2006, em Nova York, a paciente de um psiquiatra bem conhecido desenha o rosto de um homem que vem aparecendo repetidamente em seus sonhos. Em mais de uma ocasião, o homem deu-lhe conselhos sobre sua vida privada. A mulher jura que nunca o conheceu em toda sua vida.

O retrato fica esquecido sobre a mesa do psiquiatra por alguns dias até que, um dia, um outro paciente reconhece o rosto e diz que o homem o visitou muitas vezes em seus sonhos. Ele também afirma que nunca viu aquele homem em sua vida fora dos sonhos.

Leia também:
Menino de 3 anos recorda vida passada, identifica assassino e localiza corpo enterrado
‘Ice Man’ em uma missão para comprovar o poder da mente
Cientistas investigam influências de energia entre pessoas

O psiquiatra decidiu enviar o retrato a alguns dos seus colegas que têm pacientes com sonhos recorrentes. Dentro de alguns meses, quatro pacientes reconhecem o homem como uma presença frequente em seus próprios sonhos. Todos os pacientes se referem a ele como este homem.

“Desde janeiro de 2006 pelo menos 2000 pessoas alegaram ter visto este homem em seus sonhos, em muitas cidades ao redor do mundo: Los Angeles, Berlim, São Paulo, Teerã, Pequim, Roma, Barcelona, ​​Estocolmo, Paris, Nova Dehli, Moscou etc … ”

Estes são alguns dos desenhos originais feitos pelas pessoas que viram este homem em seus sonhos. O identikit que é usado atualmente é com base nesses retratos (ThisMan.org)

Estes são alguns dos desenhos originais feitos pelas pessoas que viram este homem em seus sonhos (ThisMan.org)

O Epoch Times entrou em contato com os administradores do site da “This Man” para descobrir a identidade do psiquiatra que descobriu o fenômeno, a fim de verificar a história. Os administradores responderam: “Estamos envolvidos em uma questão jurídica com o psiquiatra, por causa de um telefonema de um jornalista. Mas nós realmente acreditamos que não é importante. A paciente zero é apenas o primeiro paciente que descobrimos, mas ela não é a primeira pessoa que sonhou com este homem”.

Os website diz: “Nos últimos meses, alguns indivíduos têm tentado parar a investigação deste site, alegando que podemos ter uma agenda de marketing escondida. Isso é falso! Esses indivíduos estão, provavelmente, apenas com medo de que este homem possa, em breve, estar aparecendo nos sonhos de muitas outras pessoas”.

Então, por que este homem aparece?

As teorias ao redor desse homem

As teorias são variadas, de acordo com o site. Alguns dizem que ele se encaixa na teoria de Carl Jung, dos arquétipos e do inconsciente coletivo. Ele poderia ser uma imagem arquetípica que vem à tona em momentos de dificuldades.

Alguns dizem que ele poderia ser uma pessoa real, que de alguma forma aprendeu a navegar no mundo dos sonhos.

Alguns dizem que ele é um ser superior que se manifesta nos sonhos das pessoas.

Alguns dizem que em sonhos  não vemos rostos claramente, e quando as pessoas veem esta foto, elas a atribuem a uma vaga  figura de seus sonhos.

Cartazes e folhetos deste rosto já apareceram em todo o mundo. O site da campanha mostra cartazes na Lituânia, no Brasil, na Alemanha e em muitos outros locais.

Histórias

Este homem é útil e amigável para alguns sonhadores, mas para outros ele ofereceu outro tratamento: tentou matá-los. Aqui estão algumas histórias compartilhadas através do Facebook.

1.”Eu sonhei com este homem … Ele estava andando pela rua e eu estava apenas ali. Eu vi ele passar e eu comecei a andar na direção oposta, mas ele era mais alto e saiu fora da multidão, falando comigo. Ele disse: ‘Eu acredito em você, mesmo passando por todo esse estresse e dor que você tem enfrentado. ‘ “

2.”Eu sonhei com este homem … ele tentou me matar. Eu estava   sozinho em uma gangorra, e ele começou a caminhar em minha direção lentamente, com o mesmo sorriso no rosto. Quando ele se aproximou, tentei gritar, mas minha voz não saia. Ele começou a rir, quando eu tentei fugir. Eu não podia me mover rápido o suficiente: foi quando eu acordei. Eu o vi em meus sonhos um par de vezes, mas nunca no mesmo lugar.”

3.”Eu sonhei com este homem … Era um sonho estranho, onde eu estava em uma cidade abandonada e eu estava andando e pedindo ajuda, quando eu vi que este homem estava olhando através de uma janela; então eu entrei em uma das casas e sentei-me em um cama. Então, eu ouvi um rangido. Olhei e lá estava ele. Eu nunca tive um sonho como este, nem antes nem depois que este aconteceu”.

4.”Eu estava em um hospital velho e abandonado, [com] macas velhas ao redor e à esquerda .Eu nãotinha estado lá antes, mas me senti como se soubesse onde eu estava. Foi quando, ao caminhar por um corredor, eu avisteii este homem acenando para mim, convidando-me para segui-lo. Ele parecia assustado por algum motivo. Ele estava gritando para mim de forma incoerente. Foi então que eu fui lá me encontrar com ele. Mas quando eu virei a esquina, ele apareceu na minha frente, sorrindo, com um bisturi na mão; eu entendi, em seguida, que ele tinha me enganado para me atrair para a morte. Eu tentei correr, mas eu não conseguia me mover. Ele então passou a cortar a minha garganta, enquanto sorria de um modo tão estranho  que acho que ele não pode ser deste mundo. Eu, então, acordei com tanta dor na minha garganta que eu não podia falar. “

5″Ele se aproximou de mim e pegou minha mão, eu tinha 6 anos, e ele aparentava por volta dos 32. .Ele me disse para ir dormir, eu fiz o que ele disse, e logo adormeci. Depois de um tempo, ele começou a chamar meu nome, apenas o suficiente para me acordar, mas eu não me levantei e cobri a minha cabeça. “Vamos Alex, eu não vou te machucar”, disse ele docemente. Eu levantei as cobertas devagar, e vi que ele estava lá. Ele tinha um crachá de identificação em sua camisa, e eu descobri seu nome. Seu nome é Dan.”

Leia também:
Bebê nasce com 283 gramas e sobrevive
Pessoas que vivem somente de energia – Parte 3
Experiências de quase morte: 30 anos de pesquisa – Parte 1

Todo conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada. Para reproduzir a matéria, é necessário apenas dar crédito ao Epoch Times em Português e para o repórter da matéria.
  • Narciso L. Junior

    Carl Sagan

Leia a diferença. Epoch Times Todos os direitos reservados © 2000-2016